Anderson Silva e o “relacionamento bizarro” com Dana White

Share it
Anderson Silva deve, de fato, encerrar sua carreira no Ultimate. Foto: UFC/Divulgação

Anderson Silva revela que queria renovar seu contrato em mais quatro lutas com o Ultimate, e não dez conforme negociado. Foto: UFC/Divulgação

O UFC surpreendeu ao informar que o contrato da maior estrela mundial de MMA, Anderson Silva, havia sido renovado por mais dez lutas. Isto porque o brasileiro está com 38 anos, e tem feito em média duas defesas de cinturão por ano.

Em entrevista recente ao site “MMA Junkie”, o Spider explicou como foi a negociação e o entendimento para se chegar a este número de combates.

“Acredito que tivemos uma falha de comunicação e tradução. Eu pedi mais quatro lutas. Eles replicaram oito… brincando eu falei que faria oito, dez, quantas quisessem. Acho que eles entenderam como verdade e me ofereceram mais dez combates, e eu assinei”, contou o campeão dos médios.

Em papo com o repórter Erik Fontanez, Dana White brincou: “Acertamos, está tudo bem nesse nosso relacionamento bizarro”.

Questionado se honrará com a negociação, Anderson Silva revelou que tudo depende de suas condições físicas e do desejo de continuar atuando no octógono:

“Dez lutas são cerca de seis anos. Vamos seguir adiante e ver o que acontece neste tempo. Espero ter inspiração e desejo de treinar e lutar. Hoje estou feliz, sou muito bem tratado por Dana, Lorenzo e todos do UFC”.

Anderson Silva tem luta marcada para 6 de julho, quando enfrentará Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas.

Confira como está o card do evento:

UFC 162
MGM Grand Garden Arena, Las Vegas (EUA)
6 de julho de 2013

Anderson Silva vs Chris Weidman
Frankie Edgar vs Charles Do Bronx
Roger Gracie vs Tim Kennedy
Ricardo Lamas vs Chan Sung Jung
Cub Swanson vs Dennis Siver

Card Preliminar

Mark Muñoz vs Tim Boetsch
Chris Leben vs Andrew Craig
Norman Parke vs Kazuki Tokudome
Edson Barboza vs Rafaello Trator
Dave Herman vs Gabriel Napão
Seth Baczynski vs Brian Melancon
David Mitchel vs Mike Pearce

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *