Após polêmica com TRT, exame antidoping de Belfort resulta negativo

Share it

Vítor Belfort é aprovado no exame antidoping após o UFC no Combate 2, e fica ainda mais próximo de uma disputa de cinturão. Foto: Carol Correia

Nunca se falou tanto em reposição hormonal por testosterona (TRT) como agora. Vítor Belfort é um dos lutadores do UFC adepto ao tratamento, que é aprovado pela Comissão Atlética, desde que em níveis tolerados. Para verificar isso, os atletas são sempre submetidos à exames, para que de forma alguma eles tenham vantagens competitivas sobre os outros.

O brasileiro acaba de vir de uma incrível vitória por nocaute sobre Luke Rockhold no UFC no Combate 2, realizado no dia 18 de maio em Jaraguá do Sul.

Logo após o resultado, Vítor Belfort passou a ser questionado se o TRT teria algo a ver com o sucesso dentro do octógono. O peso médio se exaltou e preferiu não comentar o assunto. Dias depois, Dana White afirmou que o lutador, assim como os outros do card, foi submetido ao exame antidoping, e acreditava que eles resultariam negativo.

Assim foi. De acordo com comunicado oficial do UFC, a Comissão Atlética Brasileira de MMA informou que todos os atletas do UFC no Combate 2 foram aprovados nos testes.

A vitória de Vítor Belfort, aliada a mais este resultado antidoping posicionam o segundo colocado no ranking dos médios do Ultimate ainda mais próximo de uma disputa de cinturão.

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. Marília da Silva at 12:34 am

    Para que criticou e achou que a vitória do Vitor Belfort (NOCUTÂO) tinha alguma INTERFERÊNCIA do TRT, ai está a resposta pra vocês! Estão satisfeitos agora?!

  2. Marília da Silva at 12:40 am

    Para que criticou e achou que a vitória do Vitor Belfort (NOCAUTÂO) tinha alguma INTERFERÊNCIA do TRT, ai está a resposta pra vocês! Estão satisfeitos agora?!

  3. Pingback: Após polêmica com TRT, exame antidoping de Belfort resulta negativo | Bazar da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *