Mundial na História: 2009, o ano de um Roger Gracie irresistível

Share it

“Eu não imaginava que ele era tão melhor que os outros. Uma vez que Roger fica por cima, nenhum adversário consegue se mover”. Assim o diretor Guy Ritchie, de “Sherlock Holmes”, “Snatch”, “Rock ‘n Rolla” e outros definiu, das arquibancadas, a atuação de seu professor no Mundial de Jiu-Jitsu de 2009.

Outra precisa definição, mais curta, seria a palavra “irresistível”.

No primeiro fim de semana de junho de 2009, Roger Gracie pisou nos tatames da Pirâmide de Long Beach para enfrentar nove diferentes oponentes. O resultado foi o mesmo em todas as lutas: finalização. A técnica foi a mesma também: o estrangulamento por cima.

Paulo Streckert, Fernando Di Pierro, Rafael Lovato Jr., Claudio Calasans Jr. e Romulo Barral foram as vítimas no absoluto. Na divisão dos superpesados, ele estrangulou Adrien Domingues, Bruno Bastos, Bernardo Faria (no ezequiel da meia-guarda) e Ricardo Demente.

Contudo, Roger continuava humilde quando era perguntado sobre sua montada impecável, somada a todos os outros sucessos que havia tido em sua carreira até aquele momento, o que o elevava ao posto de um dos melhores competidores de Jiu-Jitsu de todos os tempos.

“Não vou dizer que sou o melhor, mas posso dizer que vou sempre estar pronto para estar entre os melhores”, disse o Gracie. Diferente de Roger, seus oponentes e amigos tinham muito a dizer sobre ele naquele ano.

“Eles dizem que Roger é bom porque é grande, mas têm muitos outros caras grandes por aí. Ele é habilidoso, disso não tenho dúvidas. Ele está um passo à frente de todos nós”, disse Romulo Barral, adversário de Roger na final do absoluto, que fez uma incrível apresentação no mesmo ano, finalizando sete de seus dez oponentes.

“Isso é o Jiu-Jitsu invisível”, definiu Saulo Ribeiro.

Mas teria sido Roger perfeito mesmo?

Bem, ele levou alguns pontos em pé, derrubado por Claudio Calasans no absoluto, por exemplo. Mas o Gracie tem outra qualidade, o bom humor: “Se eu não vou ao chão, não tem a mesma graça”, brincou ele, em papo com GRACIEMAG na Pirâmide.

E este ano, quem será o grande campeão, amigo leitor?

Para acompanhar o Mundial ao vivo, sem perder nenhum detalhe, acesse IBJJFTV.com.

Ler matéria completa Read more
There are 8 comments for this article
  1. Vinicius Ventura at 10:49 am

    Realmente!!! A chamada deixou uma grande expectativa que não foi atingida. Faltou, pelo menos, um vídeo com os melhores momentos. Mas valeu por lembrar um momento mágico dessa fera que está entre os melhores de todos os tempos!!!!

    • DiPipe Luciano Júnior at 4:28 pm

      Verdade, na verdade miha crítica se deve as outras matérias teresem sido fantásticas, a do Bj Penn, a do Saulo e Margarida foi sensacional, eu lia me sentindo lá na hora assistindo.
      Logo nessa que achei que seria show, a matéria se baseou mais nos relatos dos outros, achei os relatos sensacionais, mas ficou nisso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *