José Aldo treina na Holanda para luta contra Anthony Pettis, no Rio

Share it
Em sua última luta, Aldo defendeu seu cinturão contra Frank Edgar. Foto: UFC/Divulgação

Em sua última luta, Aldo defendeu seu cinturão contra Frank Edgar. Foto: UFC/Divulgação

Campeão peso-pena do UFC e invicto há 15 lutas, José Aldo não tem dado chances a seus adversários no octógono. No entanto, o atleta sabe que não pode se acomodar caso queira, na noite do dia 3 de agosto, no Rio de Janeiro, derrotar Anthony Pettis e receber, pela quinta vez, o cinturão das mãos do presidente Dana White.

De olho nas habilidades de luta em pé de Pettis, conhecido como “Showtime”, Aldo foi lapidar sua trocação na Holanda, com o amigo e lenda do K-1 Andy Souwer. Lá, passou quase 15 dias em rotina semelhante à adotada em 2011, antes da luta contra Mark Hominick, em 2012.

“O Andy Souwer é um grande amigo e um lutador espetacular. Ele sempre ajudou muito a mim e fico feliz de poder contar sempre com esses treinos na Holanda. Foi muito proveitoso da primeira vez e agora foi de novo. Tenho certeza que vou mostrar armas que o Pettis não espera ver e vou manter esse cinturão para a torcida brasileira e para meus amigos”, afirmou o campeão.

Entre outros objetivos com a viagem à Holanda estava o de fortalecer o psicológico e sair da zona de conforto, tão perigosa entre os atletas que atingiram o topo em suas carreiras. Contra Anthony Pettis, José Aldo terá o desafio de enfrentar um atleta da categoria de cima, a dos pesos leves, que desceu somente para disputar o cinturão. A partir de agora, o campeão vai treinar com seus companheiros de Nova União, no Rio de Janeiro.

“O Pettis é um grande desafio, mas estarei mais do que pronto para enfrentá-lo. Só vou conseguir defender meu cinturão se treinar muito, se buscar me aprimorar sempre, e essas viagens são ótimas, porque além de treinar posso evoluir a parte psicológica, por estar num país diferente, sozinho, focado só no treino. São novas culturas e treinamentos e isso só traz coisas boas. Agora vou treinar na Nova União até a luta, porque lá é minha casa e onde estão os melhores treinos do mundo para lutadores leves”, destaca.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *