João Miyao não comemora vitória na seletiva do ADCC: “Devo treinar mais”

Share it
João Miyao na disputa da final até 66kg contra Marcio André. Foto: Gustavo Aragão / GRACIEMAG

João Miyao na disputa da final até 66kg contra Marcio André. Foto: Gustavo Aragão / GRACIEMAG

A seletiva para o ADCC 2013 pegou fogo no Maracanãzinho, nesse sábado, dia 20 de abril. As categorias estavam repletas de grandes atletas, todos sonhando com o topo do pódio e com a chance de ter tudo pago para participar do ADCC, em Pequim. Mas apenas a vitória pode não ser suficiente para um atleta exigente, como é o caso de João Miyao, vencedor da categoria até 66kg.

João Miyao concentrado antes de começar a seletiva. Foto: Carlos Arthur Jr. /GRACIEMAG

João Miyao concentrado antes de começar a seletiva. Foto: Carlos Arthur Jr. /GRACIEMAG

O jovem atleta da Cicero Costha chegou cedo ao Maracanãzinho. Foi um dos primeiros. Após adentrar as dependências do ginásio, bater o peso em 64kg, e dar uma cochilada ali mesmo perto da balança, João acordou para escutar as instruções dos árbitros estrangeiros do ADCC. Ele disse a GRACIEMAG.com que não entendeu muito bem as complexas regras, mas isso não foi um problema para o jovem que figura na capa da edição #194 da revista GRACIEMAG.

Com muitos giros e ataques no pé, Miyao trilhou o seu caminho até chegar a final contra Marcio André, da Nova União.  Após a vitória de Miyao sobre Marcinho na decisão dos jurados, o jovem campeão bateu um papo com GRACIEMAG.com e disse que apesar de estar muito feliz com o resultado, não lutou como um verdadeiro campeão:

“Graças a Deus eu venci, mas eu tenho que treinar mais. Meu jogo sem kimono não está como eu queria. Eu fui campeão mas não lutei como um campeão”, disse o jovem especialista no berimbolo.

O atleta explicou que, mesmo vencendo em sua categoria, ele pretende treinar muito mais para estar melhor no Jiu-Jitsu sem kimono, e proporcionar um grande desafio aos seus oponentes.

“Eu não gosto de ver pelo resultado. Com esse nível, eu vou chegar no ADCC e não vou ser campeão. Não vou passar nem da primeira luta. Só vou se for para dar uma luta boa com os caras. Se for para apanhar, eu não vou”, concluiu o super exigente Miyao.

E você, leitor, o que acha da postura de constante cobrança de João Miyao? Confira abaixo os resultados oficias da seletiva brasileira para o ADCC 2013 e comente conosco!

Feminino até 60kg

1° – Ana Michele Tavares NOVA UNIÃO

2° – Michelle Nicolini – CHECKMAT

3° – Ana Maria Índia – GFTEAM

3° – Kalindra Walquiria – GOLD TEAM

Feminino acima 60kg

1°  – Fernanda Mazzelli – STRIKER JJ

2° – Talita Nogueira – RYAN GRACIE

3° – Marilia Alves  – GRACIE BARRA

3° – Marina Soares – CHECKMAT

Masculino até 66kg

1° – João Miyao – CICERO COSTHA

2° -Marcio André – NOVA UNIÃO

3° – Herbert Burns  – TOP BROTHERS

3° – Gabriel Marangoni – CHECKMAT

Masculino até 77kg

1° – Leonardo Nogueira – PEQUENO TEAM

2° – Victor Silvério – GFTEAM

3°  – Philip Augusto – SAPO TEAM

3° – Theodoro Canal – GFTEAM

Masculino até 88kg

1° – Claudio Calasans – ATOS

2° – Paulinho Baraúna – ALLIANCE

3°  – Delson Pé de Chumbo – BITTA

3° – Kleber Oliveira – GRACIE BARRA

Masculino até 99kg

1° – João Gabriel Rocha – SOUL FIGHTER

2° – Cristiano Lazzarini – GRACIE BARRA

3° -Renato Ferreira – RFT

3° – Armando Sixel – BOPE

Masculino acima de 99kg

1° – Rodrigo Cavaca -CHECKMAT

2° -Kitner Mendonça – RYAN GRACIE

3° – Carlos Eduardo – BUDOKAN

3° – Diego Balloutta – DRACULINO

Ler matéria completa Read more
There are 10 comments for this article
  1. Priscilla Melgaço at 5:49 pm

    Sinceramente, com esse nível de Jiu-jitsu apresentado, ele não passa da primeira luta mesmo. Eu estive lá e pude ver. Falando sério, berimbôlo não é e nunca vai ser Jiu-jitsu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *