Ben Henderson perde na terceira luta do Pan 2013 e ignora os críticos

Share it

Ben Henderson caiu diante da fera Jaime Soares Canuto (GFTeam), por 8 a 0. Foto: Erik Fontanez/ GracieMag

Campeão dos leves do UFC, Benson Henderson mostrou status de favorito nas primeiras lutas do Pan de Jiu-Jitsu de 2013, mas não teve o mesmo bom resultado contra seu terceiro adversário.

Competindo na faixa-marrom adulto, no peso médio, Bendo venceu Romulo Cavalcanti em sua estreia, e logo depois emplacou um resultado de 5 a 2 sobre Pedro Alcantara. Mas o Pan chegou ao fim para ele ao encontrar Jaime Soares Canuto, o eventual campeão do peso. Ele foi eliminado por 8 a 0. Jaime pontuou ao raspar e montar (6 a 0), e ainda conseguiu mais dois pontos quase no finalzinho.

Ben não se afligiu com a má sorte.

“É, está tudo bem. Eu amo competir e me divertir”, disse Henderson ao repórter Erik Fontanez, de GracieMag, que acompanhou suas lutas na Univeridade da Califórnia, no Bren Events Center em Irvine.

“Bem, só na última luta que não me diverti tanto”, brincou.

Ben Henderson deu um tempo no MMA para participar desta competição da IBJJF. O peso leve enfrenta o perigoso Gilbert Melendez em um mês, no dia 20 de abril, quando bota seu cinturão em jogo no UFC on Fox 7. Para o campeão, esta é uma forma de relaxar, e ainda afiar seu Jiu-Jitsu para o craque Melendez.

Seu treinador, John Crouch, afirmou que apesar desta quebra no ciclo dos treinos, Ben não tem tempo livre. “No sábado, fizemos seis rounds de sparring duro”, disse Crouch, reiterando que o Pan é uma diversão para Bendo.

O lutador falou também sobre as críticas que recebeu por participar de torneios de Jiu-Jitsu a menos de quatro semanas da sua defesa de título no UFC. Para muitos, Henderson poderia se lesionar e colocar em risco a luta contra o ex-campeão do Strikeforce.

“As pessoas são críticas por qualquer coisa. O fato é que eu competi, terminei o torneio e posso até dançar agora. Não me machuquei”, afirmou a fera.

Após o bate-papo, Bendo mostrou que a arte suave já é uma paixão e garantiu: vai estar em Long Beach para lutar o Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu, no fim de maio.

No MMA, se Henderson passar por Melendez em abril, deve enfrentar o vencedor da disputa de cinturão dos pesos-penas entre José Aldo e Anthony Pettis, que rola a 3 de agosto, no Rio de Janeiro.

Pelo jeito, a agenda do campeão dos leves do UFC está bem cheia, com ou sem kimono.

Para saber quem brilhou na faixa-marrom do Pan 2013, dominada pelo absoluto Keenan Cornelius, os manos Miyao e outros, clique aqui.

Ler matéria completa Read more
There are 13 comments for this article
  1. Oscar Cubilla Servián at 5:02 pm

    que grande henderson!!
    pero una vez siendo faixa preta sera mucho mas complicado poder llevar el entrenamiento paralelamente, el nivel en estos campeonatos importantes es muy elevado, creo que por eso idolos campoenes amantes del jiu jitsu como jacare roger demian dejaron de lado las competiciones de jiu jitsu para enfocarse en las mma..
    ojala podamos ver a mas campeones, luchadores del UFC compitiendo, para promover mas asi nuestro deporte!
    oss!

  2. Mario Luis at 3:45 pm

    O cara tinha tudo para somente lutar no UFC, mas tem garra, ou seja, esta participando de um campeonato de Jiu Jitsu que em termos financeiros nem compara ao UFC mas com sua humildade esta dando uma aula a outros lutadores do UFC que esqueceram a suas origens !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *