Fera do Jiu-Jitsu, Gilbert Durinho volta a lutar no evento MSA 3, no Rio

Share it
Gilbert Durinho volta a atuar no MMA em evento no Rio de Janeiro. Foto: Arquivo/GracieMag.com

Gilbert Durinho volta a atuar em evento no Rio de Janeiro. Foto: Arquivo/GracieMag.com

Pupilo de Vitor Belfort, Gilbert Durinho (4v, 0d) é o mais novo contratado do MSA #3, evento que será realizado antes do card principal da MMA Champions League no dia 25 de março, no Teatro dos Grandes Atores, no Rio de Janeiro. Campeão mundial de Jiu-Jitsu, Durinho enfrenta Rodolpho Coronel, detentor do cinturão de Strike (parte de trocação) do Mixed Submission and Strike Arts.

O vencedor deste combate irá se credenciar a disputa do cinturão dos leves da organização, que será disputado entre Ronys Torres e Julio Cesar Field. Invicto no MMA, Durinho mostrou-se feliz com a chance de se apresentar em um grande evento nacional.

“Já venho me preparando há um bom tempo, mantendo um bom nível de treinamentos. O nascimento do meu filho adiou um pouco meus planos de voltar a lutar, mas agora está tudo certo. Estou muito feliz com a oportunidade de disputar um evento tão importante dentro do cenário nacional”, afirmou..

Um dos treinadores de chão da equipe de Belfort na primeira edição do reality show The Ultimate Fighter Brasil, o niteroiense garante que vem aprimorando bastante sua parte de trocação. Amigo pessoal de Vitor Belfort, o lutador teve a oportunidade de treinar com grandes nomes do MMA mundial durante sua estada nos Estados Unidos. Georges St-Pierre, Dominick Cruz e Rashad Evans estão entre os nomes que ajudaram a lapidar seu jogo.

“Sei que vou enfrentar um adversário muito duro, canhoto e muito bom na parte de trocação. Apesar de ter a minha base no Jiu-Jitsu, também venho aprimorando bastante a minha parte em pé. Já tive a chance de treinar com os melhores atletas do mundo, com certeza vou aproveitar essa bagagem para alcançar meus objetivos dentro da modalidade”, comentou o atleta que treina MMA há apenas dois anos.

O MSA foi criado com o objetivo de revelar novos talentos para o cenário nacional e colocar frente a frente atletas da luta agarrada e da luta em pé. As duas primeiras edições da competição aconteceram em agosto e novembro de 2012, respectivamente. Os detentores de cada cinturão ganharam o direito de fazer um combate de MMA no MSA #3.

Confira o card do evento:

MMA Champions League #1
Teatro dos Grandes Atores, Rio de Janeiro
25 de março de 2013

Ronys Torres (Nova União) x Julio Cesar Field (RFT) – Disputa do 1º cinturão até 70 kg

André Chatuba (Team Nogueira) x Cassiano Tytschyo (Chute Boxe) – Disputa do 1º cinturão até 77 kg

Raoni Barcelos (RVT/Nova União) x Cyderlan “Porco Loco” (PRVT) – Disputa do 1º cinturão até 66 kg

Ismael Marmota (Nova União) x Marcelo Barreira (Barreira Team Santos/Bocão MMA) – Disputa do 1º cinturão até 84 kg

Joriedson Reis “Fein” (Machida Team) x Lincoln de Sá (Art Combat) – Disputa do 1º cinturão até 57 kg

Card preliminar – Mixed Submission and Strike Arts (MSA) #3

Gilbert Durinho (Team Belfort) x Rodolpho Coronel (Império da Luta) – até 70 kg

Celson Rolim (Brazilian Top Team) x Denison Silva (PRVT) – até 57 kg

Sergio Bomba (Nova União) x A definir – até 61 kg

Geraldo Freitas (BTT) x Gustavo Prado (PRVT) – até 66 kg

Ângelo Tilapa (Chute Boxe) x A definir – até 93kg

Felipe Nilo (Team Nogueira) x Elias Santos (RFT) – até 70kg

 

 

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *