Futebol americano ajudou Orlando Sanchez no Chicago Open

Share it

Orlando Sanchez no Chicago Open 2013. Foto: Erin Herle/GracieMag.com

O americano Orlando Sanchez foi o principal nome do Chicago Open, realizado no fim de semana no estado de Illinois.

Estreante na faixa-preta, o atleta da Gracie Barra venceu o absoluto e o pesadíssimo. “Foi a minha primeira competição na faixa-preta e eu não competia com kimono desde junho de 2012. Por isso foi muito emocionante chegar lá sábado e disputar com esses grandes lutadores”, disse ele ao GracieMag.com. Orlando ainda voltaria no dia seguinte, domingo, para vencer o absoluto sem kimono.

“A faixa-preta é um jogo totalmente diferente. Você precisa estar 100% focado, porque um movimento errado pode custar-lhe a luta. Assim, para esta competição joguei com calma, inteligência e preso ao meu plano de jogo. Preciso ainda me acostumar a competir na faixa-preta, eu comprovei que o negócio é muito diferente”, disse.

“A final do absoluto foi complicada. Gregor é um lutador perigoso e talentoso. Foi uma honra competir com ele na final do meu primeiro torneio na faixa-preta. Eu tenho um histórico no futebol americano, onde passei anos estudando vídeos e criação de planos e jogadas. Agora eu uso isso no Jiu Jitsu. Eu assisti a todas as lutas do Gregor em Chicago e entrei com uma estratégia, que foi bem executada. Fiquei muito feliz”.

Novato, Orlando deixou um conselho de veterano para nossos leitores. “Para os faixas-brancas que estão começando, eu digo: divirtam-se e aproveitem a jornada. E nunca desistam. Mantenham a frequência nos treinos, continuem evoluindo e vocês vão viver para sempre como um campeão no tatame e na vida”, concluiu o lutador, que já tem os próximos compromissos agendadados: primeiro, o Pan da IBJJF em março. Depois, cair dentro no MMA novamente.

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *