Rodolfo Vieira enxerga só uma “única vantagem” contra Demente

Share it
Rodolfo Vieira comemora o título do Mundial 2011. Foto: Jonh Cooper.

Rodolfo Vieira comemora o título do Mundial 2011. Foto: Jonh Cooper.

O campeão mundial Rodolfo Vieira está na Austrália, para uma série de seminários em companha do líder da GF Team, o professor Júlio Cesar. Do outro lado do mundo, o peso pesado ficou sabendo de mais uma pedreira que terá pela frente.

Bem humorado, Rodolfo comentou o duelo na Copa Pódio contra Ricardo Abreu, o Demente, no dia 1o de maio, no clube Hebraica, no Rio de Janeiro:

“Acho que o Jeferson [Maycá, criador e organizador da Copa Pódio] me ferrou com essa luta! (Risos) A única vantagem que eu tenho sobre o Demente é que eu venho competindo mais do que ele de kimono. Nos últimos tempos, ele estava mais focado no MMA”.

Depois da brincadeira, Rodolfo analisou o adversário: “Ele é um grande atleta e uma ótima pessoa, meu amigo. Tenho certeza de que vamos fazer uma grande luta para o público da Copa Pódio”.

Além da Copa Pódio, em que também enfrenta Léo Nogueira no desafio triplo GFTeam vs Alliance, Rodolfo está se preparando para os grandes campeonatos da IBJJF.

Ele não confirmou presença no Pan, no fim do mês, mas é certeza no Mundial, nos últimos dias de maio e no início de junho. O bicampeão mundial peso pesado não fugiu da raia quando o assunto foi o exame antidoping:

“É uma ótima iniciativa da IBJJF, apesar de ainda termos dúvidas se vai rolar mesmo. Agora, se rolar, sei que vou ser um dos primeiros a ser testado. Estou limpo e vou provar isso para todo mundo. Podem fazer quando quiserem comigo, antes, durante ou depois do Mundial, que é o campeonato mais importante do ano”.

Para terminar, não poderia faltar uma pergunta sobre o outro maior nome do Jiu-Jitsu de competição no momento, Marcus Almeida, o Bochecha. Rodolfo está ansioso para reencontrar o rival (e amigo). Ele comentou o duelo entre Bochecha e Roger Gracie, no fim de 2012, e disse o que espera de um novo encontro com o atual campeão mundial absoluto:

“Vi a luta sim, e que luta! Acho que melhor que aquela com o Roger só a nossa nas quartas de final do absoluto, no Mundial 2012. Nossas lutas serão sempre assim, ótimas de se ver porque ele é um cara que joga pra frente, sem medo, e tem um coração enorme. E eu sou igual! Espero que desta vez a gente faça uma luta igual ou melhor do que a última. E que de preferência eu saia campeão”.

E aí, leitor? Está pronto para mais um episódio Rodolfo vs Bochecha, no Mundial ou mesmo antes, em Abu Dhabi, em abril? E a Copa Pódio, será que Demente freia o campeão?

Ler matéria completa Read more
There are 7 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *