Marcelo Magrão no gás para enfrentar Hyun Gyu Lim no UFC Japão

Share it
Marcelo Guimarães faz sua segunda luta pelo UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LCC via Getty Images

Marcelo Guimarães faz sua segunda luta pelo UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LCC via Getty Images

Mais 18 mil km separam o Espírito Santo de Tóquio, no Japão. Mas a distância não assusta o lutador Marcelo “Magrão” Guimarães, que abre o card do Ultimate a ser realizado no Saitama Super Arena, dia 2 de março, contra Hyun Gyu Lim.  O evento em questão marca o retorno de Wanderlei Silva à terra do sol nascente após quase 7 anos, contra o americano nascido em Tóquio, Brian Stann.

Em sua luta no Japão, Marcelo terá pela frente o grandalhão coreano Hyun Gyu Lim. A GRACIEMAG.com conversou com o treinador da fera, Alexandre Caveira, que além de contar que o frio do outro lado do mundo é de rachar, lembrou que a altura do coreano é um diferencial, mas que não vai intimidar.

“Ele (Hyun) é um atleta muito alto, e gosta de sair na porrada. Mas ele vai ter que estar no gás para está luta, porque o Magrão está”, disse Alexandre.

O faixa-preta Marcelo, por sua vez, analisa o poder de nocaute do mesmo, e diz que não sente vantagem de ter uma luta no UFC e o coreano ser estreante na organização.

“Ele tem sete nocautes na carreira, além de ter finalizado também. Tenho que manter a guarda alta. Ele está estreando, mas depende muito. As vezes isso motiva mais o lutador  a chegar com tudo”, disse Magrão em entrevista ao site do UFC.

Marcelo(8v, 0d, 1e), começou a lutar em um projeto social em Itapemirim. Ex-dependente químico, Magrão viu na luta o caminho para dar a volta por cima e se tornar um grande campeão. Antes de chegar ao UFC, Magrão foi campeão na categoria de médios Jungle Fight. Após o título, Magrão já fez sua estreia no UFC, superando Dan Stitgen por decisão dividida, no UFC on Fuel 4, em julho do ano passado.

Seu adversário,  Hyun Gyu Lim(10v, 3d, 1e), vem de cinco vitórias consecutivas, quatro por nocaute técnico e uma finalização, esta em sua última luta, contra Ryan Biglar, quando apertou o pescoço do adversário na guilhotina, em julho de 2012.

Confira o card completo do evento.

UFC Japão
Saitama Super Arena, Saitama – Japão
3 de março de 2013

Wanderlei Silva vs Brian Stann

Mark Hunt vs Stefan Struve

Takanori Gomi vs Diego Sanchez

Hector Lombard vs Yushin Okami

Mizuto Hirota vs Rani Yahya

Siyar Bahadurzada vs Dong Hyun Kim

Card Preliminar (Facebook)

Riki Fukuda vs Brad Tavares

Bryan Caraway vs Takeya Mizugaki

Cristiano Marcello vs Kazuki Tokudome

Alex Caceres vs Kyung Ho Kang

Marcelo Guimaraes vs Hyun Gyu Lim

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *