Dana White justifica demissão de Jon Fitch: “Ele era caro”

Share it
Dana White fala sobre a demissão de Fitch aos jornalistas. Foto: GRACIEMAG

Dana White fala sobre a demissão de Fitch aos jornalistas. Foto: GRACIEMAG

O assunto mais comentado nos últimos dias foi a demissão de 16 lutadores do Ultimate. Noticiada pelo MMA Fighting, a lista de atletas dispensados pela organização tinha Jon Fitch(24v, 5d, 1e, 1nc) como um dos desligados, o que causou acalorados debates em todas as partes do planeta.

O presidente Dana White falou com jornalistas ontem sobre os motivos da demissão de Fitch, se baseando na produção abaixo do esperado do atleta, além de alegar que ele seria “muito caro” para integrar o card preliminar.

“Isso é um esporte, como qualquer outro. Jon Fitch já foi número um, e agora ele está no número nove no ranking. Ele empatou uma luta, e perdeu duas. Sua única vitória nos últimos tempos foi sobre o Erick Silva, que teve contra Fitch o seu primeiro desafio, e a luta  foi equilibrada, ele recebeu até o prêmio de luta da noite”, disse o manda-chuva.

Ainda sobre o assunto, Dana negou ter algum problema pessoal com Fitch, disse que ele ainda pode ser campeão mundial.

“Eu não tenho problemas com o Fitch. Disseram que eu esperei o momento para demitir ele depois do problema com o jogo UFC Undisputed, mas isso não é verdade. Este é um esporte de combate, e se você quer estar aqui você tem que querer ser o melhor do mundo. O Hendricks está em linha ascendente na categoria, o Fitch não está, e esta divisão é muito concorrida”, falou.

Além disso, White falou que Jon Fitch poderia chegar em outra organização com status de astro, podendo chegar até a ser campeão do mundo por outra organização. White chegou a especular o Bellator como bom caminho para Fitch, mas o CEO do evento, Bjorn Rebney, já revelou não ter interesse em contratar o americano.

“Nossa divisão de meio-médios já está fechada. Nós temos ótimos atletas, e pretendemos manter-los em atividade. Agora não é um bom momento”, disse Rebney

Jon Fitch foi derrotado em sua última passagem no UFC pelo faixa-preta Demian Maia, no UFC 156, dia 2 de fevereiro.

E você, leitor, onde acha que Jon Ficth deveria lutar após sua demissão do Ultimate? Opinem!

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article
  1. Éber Godofredo at 8:46 pm

    Acompanho as lutas do fit a bastante tempo, ele nunca foi um lutador de dar show, más na minha modesta opnião é um dos caras mais duros da categoria, a organização si preciptou, tem muita bicheira no UFC, como exemplo o Sonnen, q apesar de não lutar nada e só falar besteira vai lutar com o Jones, do fundo do coração acho q o Dana tem algun tipo de tara por ele! só pódi!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *