Veja por que Wanderlei Silva aposta em nocaute de Belfort sobre Bisping

Share it
Wanderlei aposta em Belfort, até o segundo round. Foto: Divulgação

Wanderlei aposta em Belfort, até o segundo round. Foto: Divulgação

Falta pouco para o Ginásio do Ibirapuera ferver com a sétima edição do UFC on FX, também conhecida como UFC São Paulo. O evento, que ocorre hoje, dia 19 de janeiro, terá uma grande luta protagonizada por Vitor Belfort e Michael Bisping. O clima é tenso entre os lutadores, que seguem trocando farpas durante toda  a semana. O combate movimenta os palpites de fãs, especialistas e também lutadores de MMA, como é o caso de Wanderlei Silva, que também opinou sobre o o resultado da disputa.

Wand já foi nocauteado por Belfort quando estreou no UFC, em 1998, na primeira vez que o Ultimate veio ao Brasil , e já superou Bisping na decisão unânime, pelo UFC 110. Por isso, o atleta está mais que gabaritado para analisar uma batalha entre os médios em questão. Wanderlei disse que o embate será parelho, mas que Vitor tem uma vantagem na sua explosão inicial e que pode nocautear, se não levar o combate para além do segundo round.

“O Belfort é muito perigoso no início da luta, acho que ele tem uma grande possibilidade de nocautear nos dois primeiros rounds, mas se esse combate chegar no terceiro o panorama muda totalmente de figura. O Bisping tem um gás muito grande e vai crescendo durante a luta. A chance do Belfort é liquidar no início”, ponderou Wanderlei

O “Cachorro louco” faria sua revanche contra Belfort no UFC 147, edição do Ultimate que fechou o TUF Brasil, onde Wand foi técnico do time azul contra o time verde de Vitor. Porém, após Belfort lesionar a mão nos treinos, Wanderlei foi designado a enfrentar Rich Franklin,  sendo derrotado pelo mesmo na decisão unânime.

Sua próxima luta pelo UFC será dia 3 de março, contra Brian Stann, no UFC Japão.

E você, amigo leitor, já fez sua aposta para o UFC São Paulo? Ainda não? Então aproveite e participe da nossa promoção e concorra a uma camisa exclusiva da GRACIEMAG, clicando AQUI!

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *