Dórea diz o que saiu errado: “A única forma de parar Cain era com o punho”

Share it
Luiz Dorea e o ex campeao do UFC Junior Cigano Foto Divulgacao site Cigano

Luiz Dórea, ao lado do pupilo Junior Cigano. Foto: JuniordosSantos.com.br /Divulgação

Luiz Carlos Dórea, 47 anos, retornou a Salvador, Bahia, com o olhar chateado mas com as ideias bem claras. O ex-campeão de boxe e treinador de Junior Cigano falou ao GRACIEMAG.com sobre a derrota de Junior – o “carro-chefe” de sua academia, como ele diz.

“O Cain não parava de vir para derrubar”, analisou Dórea, relembrando a luta principal no UFC 155, dia 29 de dezembro, em que Cain Velasquez venceu Cigano por decisão unânime após cinco assaltos. “A gente precisava ter punido mais em pé, que é a maneira de inibir as entradas em queda dele”.

Confira, a seguir, a entrevista com o treinador, e o vídeo postado por Cigano para seus fãs.

GRACIEMAG: O que saiu errado, professor?

Era dia de Cain. O Cain foi muito feliz na tática dele, nós sabíamos que o plano dele de luta seria tentar a queda o tempo todo. O Cigano foi bem sucedido no início, conseguiu defender oito, nove entradas do oponente, mas sabemos que a única forma de parar Cain é usando os punhos. Faltou isso então, contragolpear melhor e conectar mais golpes. Mas o Cain não parava, e foi muito bem. A gente precisava ter punido mais o Cain, que é a maneira de inibir a entrada em queda dele.

E aí entrou aquela bomba de direita do Cain….

Aquela direita entrou em cheio, restando um minuto para o fim do primeiro assalto, e mudou o rumo da luta. O golpe foi duro, o Cigano sentiu e o Cain pegou as costas e continuou batendo. Temos de destacar é que o Cigano não se entregou e lutou até o fim com o coração – se os papéis trocassem, com um terço daqueles golpes todos o Cigano já teria nocauteado o Cain. Ele mostrou a garra brasileira e tenho certeza de que esse cinturão volta para ele em breve.

Você acha que o Cigano deveria ter travado mais a luta no chão, com seu Jiu-Jitsu, até para recuperar melhor da pancada de direita?

Certamente ele tinha condições, mas o golpe entrou mesmo. O Cigano tem treinado muito seu jogo de solo, ganhou a faixa-preta no fim do ano e está bem completo, em pé e no solo. Mas ao meu ver não era bom negócio ficar por baixo ali, pelo menos não logo depois que o soco de direita entrou. Então ele respirou e conseguiu se levantar, mas ainda estava se recuperando do baque, e levando muita pressão ali. Em pé ou no chão, a pressão seria a mesma.

Como estão as contusões do Junior?

Cigano não teve nada grave. As cicatrizes no rosto já estão melhorando, o que está machucado mesmo é o coração. Ele treinou bem demais e queria muito voltar com o cinturão. Mas já fez todos os exames necessários e está muito em breve retornando aos treinos. Essa derrota só vai fortalecer o Cigano, podem apostar. Essa cinta vai voltar para o Brasil.

http://www.youtube.com/watch?v=KLxLU8lPsmk

Ler matéria completa Read more
There are 12 comments for this article
    • Macarius Macarius at 10:55 pm

      depois que entrou o primeiro soco do cain, Cigano foi lutando no automático, o poder de um soco daquele ali é devastador, desorienta mentalmente e fisicamente, as pernas ficam bambas, o corpo não responde. horrível.

  1. Mario Fernandes at 9:24 pm

    Esses treinadores são comédia mesmo. É claro que o boxe ofensivo e com boa guarda é o melhor do cigano. Quem falou para jogar recuando não foi o técnico? Assuma o erro tático e pronto.

  2. Glan Loy at 10:12 pm

    Pena mesmo pq acho ele bem melhor que o Cain Velasquez. So deve procurar usar mais os chutes tb, nao vejo ele usando chutes e isso e importantissimo no UFC, o Cain faz muito bem isso, chuta embaixo p/ desestabilizar em cima. O Cigano precisa usar mais os pes. Assim sera Ryu e nao Balrog, rs….Enfim, houveram oportunidades de chutes na luta quando o Cain errava a tentativa de queda e caia, se Cigano chutasse nesses momento, o Cain teria problemas e talvez nao tentasse tanta queda. As tentativas de queda feitas pelo Cain chegaram a ser desesperadoras e feias… O Cigano o vencera da proxima vez, nao tenho duvida….

    • Tarcisio Marques Moreira Moreira at 8:09 pm

      o poblema que cada tecnico quer levar mais mérito e burro do lutador que não ve o que tem que fazer e perdeu para o dono do cinturão …essa é a verdade, lutador brasileiro ta ficando igual jogador de futebol quer ganhar tudo do mesmo geito acorda cigano….

  3. Macarius Macarius at 10:53 pm

    uma coisa que falta à escola brasileira de vale tudo: wrestling…. saber defender queda, nós não temos um background nesse esporte, outra coisa a fazer é avisa a Dórea que Cigano estava lutando vale tudo e não boxe.

  4. Elvis Franks Costa at 3:54 am

    Na verdade encheram a bola do Cigano e ele entrou se esquivando achando que era o rei do boxe. Mas esqueceu que só defender não ganha luta. Hoje no Brasil todo mundo é faixa preta de Jiujitso. O Cigano apanhou feio não deu um soquinho fajuto, imagine se fosse com o Frank Mir por exemplo, tinha arrancado os braços dele..uma pena…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *