UFC 155: Cain Velasquez derrota Junior Cigano e retoma o cinturão peso pesado

Share it

Cain Velasquez superou Cigano e ficou com o cinturão dos pesados. Foto: UFC/Divulgação.

Na última edição do UFC deste ano, a de número 155, Cain Velasquez venceu o até então detentor do título dos pesos pesados, Junior Cigano, e volta a ser o campeão desta divisão do Ultimate. E evento, realizado dia 29 de dezembro em Las Vegas, teve como coevento principal o embate entre Jim Miller e Joe Lauzon.

No evento principal da noite o cinturão da categoria dos pesos pesados estava em jogo. Junior Cigano, atual campeão, defendia o seu título pela segunda vez. O desafiante era Cain Velasquez, lutador que Cigano havia vencido na primeira edição do UFC on Fox, quando Cigano se sagrou campeão da divisão.

Velasquez começou a luta partindo para o ataque e tentando, sem sucesso, levar Junior Cigano para o chão. O brasileiro defendeu muito bem as tentativas de queda mas, entre as investidas de Cain, o mesmo seguia marcando pontos, e Cigano não respondeu. Com o primeiro assalto completamente dominado por Cain os outros quatro rounds seguintes não foram diferentes. Cigano não conseguiu anular a estratégia de Velasquez, e recebeu duros golpes  e quedas de seu adversário. A luta foi para decisão com resultado unânime dos jurados, declarando Cain Velasquez campeão dos pesos pesados do UFC.

Após a luta, o brasileiro disse em entrevista que não vai deixar o cinturão com Velasquez por muito tempo.

“Eu vou voltar, e vou pegar o meu cinturão de volta”, disse Cigano.

Pelo coevento principal da noite, tivemos uma grande luta entre Jim Miller e Joe Lauzon pela divisão de leves do UFC. No inicio do primeiro assalto, Jim Miller acertou duro golpe no rosto de Joe Lauzon, que ficou com um grande corte na testa, deixando o atleta sangrando bastante. Miller foi superior no primeiro round mas, mesmo com o corte no rosto, Lauzon voltou para o segundo assalto querendo a vitória.

Com muita vaselina no corte, Joe foi levado para o chão no inicio do round, e Miller estabilizou por cima. Experiente na arte suave, Lauzon levantou a canela de Jim e raspou com eficiência o seu adversário e tentou uma chave de tornozelo, mas Miller escapou, levando a luta para o terceiro assalto. Neste round, Lauzon executou uma tesoura voadora buscando a perna direta de Miller, e apertando mais uma chave de tornozelo, mas Jim escapou novamente, levando a vitória na decisão unânime dos jurados.

Destaques também para o nocaute de Todd Duffee sobre Phil De Fries no primeiro round e para a John Moraga, que finalizou Chris Cariaso com um triângulo de mão no terceiro assalto.

Confira os resultados desta edição do UFC.

UFC 155
MGM Arena, Las Vegas, Nevada
29 de dezembro de 2012

Cain Velasquez venceu Junior Cigano na decisão unânime dos jurados

Jim Miller venceu Joe Lauzon na decisão unânime dos jurados

Costa Philippou venceu Tim Boetsch por nocaute técnico aos 2min11s do R3

Yushin Okami venceu Alan Belcher na decisão unânime dos jurados

Derek Brunson venceu Chris Leben na decisão unânime dos jurados

Eddie Wineland venceu Brad Pickett na decisão dividida dos jurados

Erik Perez venceu Byron Bloodworth por nocaute técnico aos 3min50s do R1

Jamie Varner venceu Melvin Guillard na decisão dividida dos jurados

Myles Jury venceu Michael Johnson na decisão unânime dos jurados

Todd Duffee nocauteou Phil De Fries aos 2min4s do R1

Max Holloway venceu Leonard Garcia na decisão dividida dos jurados

John Moraga finalizou Chris Cariaso no triângulo de mão aos 11s do R3

Ler matéria completa Read more
There are 33 comments for this article
  1. Eulen Castro Viana at 8:49 am

    tremenda marmelada….
    estou indignado com o resultado que resultou na derrota de junior cigano, gente, vamos acordar….vcs acham mesmo que quem tirou as forças , ou a guarda dele que nao levantou , ou seu corner sem lhe falar nada? é muito fácil jogar culpa nos telespectadores….
    a tramóia vem de dentro do UFC mesmo e pq? pq são covardes de apresentar pro Brasil um verdadeiro ídolo, criativo, uma pessoa que luta e treina honestamente como eles mesmos disseram, então deixaram a entender com essa atitude que os lutadores tem que apelar se deixar levar por essa safadesa descabida pensando que somos burros o bastante sem saber que ja chega de hipocrisia, falso moralismo…. por isso continuamos ser um país de terceiro mundo!
    a o junior não é pra lutar num octagon o fulero não, ela tem mais é que lutar no mínimo numa praça municipal!!!
    fica aqui meu protesto e espero que os jurados parem de ficar usando o povo brasileiro pois afinal quem assiste ou assistia o ídolos são pessoas que realmente gostam da luta e não é o povão não, pois no mesmo horário o povão está ligado nas telenovelas!!!!
    jurados: assumam o papel de vcs e não se deixem ser comprados por ninharia!!!!!Tamoputojunto

  2. Diego Alberto at 12:51 pm

    Existem derrotas e derrotas, a diferença dessa derrota do Cigano é que ele foi uma vergonha. Nem parecia que ele tinha entrado no octógono. Não há problema em perder, desde que você lute para ganhar, lute pra frente, buscando. O Cigano não fez isso, ele iniciou a luta derrotado!!!

  3. Diego Alberto at 12:51 pm

    Existem derrotas e derrotas, a diferença dessa derrota do Cigano é que ele foi uma vergonha. Nem parecia que ele tinha entrado no octógono. Não há problema em perder, desde que você lute para ganhar, lute pra frente, buscando. O Cigano não fez isso, ele iniciou a luta derrotado!!!

  4. Mandibula JJ at 1:13 pm

    Vergonha e falta de respeito com os brasileiros que ficaram até às 04:00h para assistiram este "vexame" de final de ano. A questão não é ganhar ou perder, mas lutar com dignidade, respeito, entre tantos outros princípios. Decepção total, marmelada, luta combinada

  5. Macarius Galius at 1:25 pm

    já tinha cantado a pedra….dono de um background olímpico de wrestler, Cain impos seu jogo, entrou pra derrubar e derrubou….. Cigano conseguiu defender, até quando Cain compreendeu o encaixe do takedown, e juntando a isso, uma mão muito pesada….. aí fica difícill..

  6. Rodrigo Castro at 1:34 pm

    Acho um absurdo o Cigano não saber defender as pegadas de perna do Velasque, e o chão dele esta longe do chão do Minotauro e fala que ele é um faixa preta? A oportunidade que ele teve por cima no chão não soube nem aproveitar, kd o professor de jiu-jitsu dele? O Cigano não faz postura para matar a pegada de perna e cai feito um banana, fora que o seu treinador Vitor Doria desde o primeiro round pedia para ele levantar a guarda e ele de guarda baixa e só tomando bifa na cara, longe de ser aquele Cigano que conquistou o cinturão, deve ter treinado a metade do que treinou para conquistar o cinturão, deve estar se achando que é o cara, esporte é coisa seria! E as vezes que ele parava encostado no octógono achando que era o Anderson? Para né? E o chão dele de faixa preta? É brincadeira, deveriam ter respeito ao nosso esporte e não deixar essas promoções de faixas só para tirar onda, fizeram isso com o Wanderlei de falar que ele é um faixa preta de jiu-jitsu………………….é duro galera………..esta dado o recado.

  7. Duda Lima at 1:45 pm

    PAPAGAIADA, muito salto alto! o detentor do cinturao tem que treinar o triplo, porque o adversario vira explodindo sem medo sem vinculo pois o cinturao esta do lado de la..

  8. Duda Lima at 1:48 pm

    PAPAGAIADA, muito salto alto.O detentor do cinturao tem q treinar o triplo, porq o outro lado vira explodindo sem vinculo pois o dever e do campeao.
    Que faixa preta hein, ta precisando treinar mais…

  9. José Ricardo Favorito at 2:02 pm

    Gosto do Cigano, sou brasileiro, estava torcendo para ele, mas valo mais minhas artes.. Essa de querer promover as modalidades com celebridades do momento é complicado. O Anderson Silva foi premiado como Embaixador do Taekwondo do Brasil ganhou o 4° Dan um titulo de mestre do Taekwondo, não tem nível de faixa preta, não chuta bem, ai ganha uma luta com um chute tradicional do Taekwondo (AP Tchagui) contra o Victro Belfort e diz que quem o ensinou foi o Steven Seagal , que pratica aikido que pelo meu conhecimento não tem chutes no rosto.. affff foi uma vergonha para o Taekwondo no mundo. Agora um monte de celebridades do MMA ganhando Faixa Preta de JIU JITSU e não consegue lidar com a luta no chão. De certa forma em vez de estar elevando as lutas marciais estão denegrindo as modalidades com péssimas atuações na área. Por terem o titulo de Faixa Preta, deveriam pelo menos não sofrer tanto. O cara apanhou viu, Cigano é guerreiro, mas levou um sacode. Deixo aqui meus parabéns para o Demian Maia que no UFC Brasil 3 caiu para dentro, botou para baixo, pegou as costas e finalizou, sem dar chances para seu adversário, ai sim orgulho para o JIU JITSU Brasileiro, para nos FAIXAS PRETAS.. que ralamos anos para conquista-lá… Ossssssss

    • Thiago Eliandro at 2:06 pm

      Sério que deram o 4º DAN pro Anderson Silva, Mestre??? Vergonha pura, o cara não era nem faixa preta…. havia dito que treinaria para conquistar a faixa preta pra poder representar o Brasil no Tae Kwon Do. É uma vergonha mesmo para essa modalidade que sou apaixonado. Faixa se consegue com treino, com técnica e determinação!!! #indignação

    • Hudson Menezes Tkd at 2:08 pm

      O Anderson esta querendo disputa a próxima olimpíada,não passa nem da primeira luta.O nosso TAE KWON DO se o cara não tiver o TAE KWON DO na veia só lamento.O Anderson pode se da bem no MMA,mas no TKD não da para ele não!

    • José Ricardo Favorito at 2:26 pm

      Louvável essa da CBTKD de querer alavancar o TAEKWONDO aqui no Brasil com a Imagem do Anderson, mas o Taekwondo não precisa de imagem, precisa sim é de Dirigentes que se comprometem com a arte, (Honestidade, integridade. respeito com os mestres, professores, atletas e alunos). ai me enviaram um video olhei mas me arrependi de ter visto. http://www.youtube.com/watch?v=bnUl44wnDO0 .. Ah o JIU JITSU vai bem obrigado, não precisa dessas imagens não..

    • Bamba Capoeira at 3:33 pm

      Respeito sua visão Ricardo,mas veja bem,quando o cigano ganhou do cain,ninguem fez critcas,ninguem falou:tem algo errado ele ganhou rapido de mais,pelo histórico dos dois,da pra notar a diferença,cain sempre foi um guerreiro e lutou com cigano após uma lesão e 1 ano sem treinar direito,agora cara voltou treinado.querendo recuperar seu titulo,um doms melhores que ja vi para quedar,e é completo:soca,chuta,queda e se bobear finaliza.Oque de forma alguma tira o mérito do cigano grande guerreiro,só que agora lutou com guerreiro lapidado.

    • José Ricardo Favorito at 2:01 am

      Bamba Capoeira, meu querido, não sei se percebeu.. mas não estamos tirando o mérito do Cain, ele fez a parte dele.. e muito bem feita.. 5 rounds buscando a luta e batendo e vacilando em muitas situações.. ja esperado ele perdeu as costas, o pescoço, a oportunidade de nocaute. não é completo.. mas tem seu mérito.. tava com sangue nos olhos.. lutou pra vencer…. mas o que estamos falando aqui não é critica ao cigano, e querer entender porque ele não lutou.. como lutava antes.. guerreiro sem vontade de lutar e guerreiro vencido.. não importa se fica até o final.. somos lutadores.. sabemos o que é sangue nos olhos.. Quer um exemplo porque o victor belfort não quebrou o braço do Jhon jones.. com um armlok encaixado… Só querendo entender.. mas tem outras variáveis do tipo um faixa preta de jiu jitsu que evita o chão. ou perde oportunidades que nenhum faixa azul perderia.. acho que estamos falando de valor a graduação.. a gente rala uma vida para chegar na preta..isso tem que ser valorizado.. osssssss

    • Leonardo Ribeiro at 5:16 pm

      Lembro que nosso saudoso mestre Carlson Gracie já fazia críticas a esse respeito. Pessoas que nunca tiveram um histórico dentro do jiu jitsu, recebendo faixa preta. E olha que não estou dizendo que devem ser campeões de jiu jitsu, mas pelo menos ter um tempo de prática na arte suave. Isso é uma vergonha!

  10. Ronaldo Rodrigues at 2:27 pm

    Faixa preta de Jiu-Jitsu??? Tá longe… Um dos grandes problemas desses kras é de se confiar de mais no Boxe… Meu irmão, é só assitir as lutas do Cain que a gente vai ver o que é um "striker" completo… O kra é bom de chute, joelhada, cotovelada e por ai vai…. ele nao se prende só ao boxe como o Cigano, o Minotauro e muitos outros…. Tem de ter uma trocação completa e parar de pagar pau pros kras… Enquanto a galera nao se conscientizar de que eles tem que ser lutadores completos em todos os sentidos, a gente vai fikr vendo esses vexames… Tem que ter um bom Jiu-Jitsu e disparar chutes, joelhadas e cotoveladas como o Ryan Gracie fazia, como o Jon Jones e o nosso grande campeão Anderson Silva faz… Oss

  11. José Mário at 3:20 pm

    Prá mim foi uma armação. Inicialmente achei que o Cigano estava doente ou sentido por causa dessas estraégias de perder e ganhar peso. O brasileiro irreconhecível não coseguiu atuar nem 30 segundos. Notem que o tempo todo lutou com a guarda baixa e o socão que tomou no pimeiro round foi ele quem pediu ao expor sua face com as mãos abaixadas. Infelizmente perdi a credibilidade no evento, também não poderia ser diferente, onde rola muito dinheiro, é assim que funciona, exemplos em outras atividades esportivas temos muitos (se bem que não considero MMA esporte). É claro que o mercado latino espanhol e uma revanche é muito mais interessante para os muchacchos Dan White, Cigano e Velasquez…

  12. André Lima at 3:23 am

    tem gente q diz q ele foi guerreiro pq aguentou o castigo, nãooo, guerreiro é aquele q luta, q na adversidade continua indo pra cima, tentando, n se entrega, e ele nem entrou pra lutar, qdo se treina um lutador novo, no boxe, ou karatê, o mestre sabe q o cara tá pronto pra lutar mesmo, qdo ele apanha, e continua indo pra cima, ai o mestre diz :agora esse tá pronto,é um lutador! a derrota faz parte, de toda disputa, mas perder como um derrotado,é diferente de perder como um guerreiro, e isso q irritou todos, a falta do guerreiro, espero q o cigano, recobre a fibra e o sangue nos olhos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *