De olho na luta 50 na carreira, Wanderlei Silva encara Brian Stann no UFC Japão

Share it
Wanderlei Silva volta ao octógono em 2013. Foto: Josh Hedges -Zuffa LCC via Getty-Images

Wanderlei Silva volta ao octógono em 2013. Foto: Josh Hedges -Zuffa LCC via Getty-Images

Wanderlei Silva e Brian Stann estarão frente a frente na luta principal do evento UFC on Fuel TV 8, que ocorre no Japão, de acordo com informações da organização divuldas na noite de quarta-feira. O combate fecha o evento que será realizado no dia 2 de março, na Saitama Super Arena, em Tóquio.

Apesar de ambos os lutadores integrarem a categoria dos médios, tudo indica que o UFC vá realizar o embate por uma categoria acima, a dos meio-pesados.

Wandelei Silva, que possui um cartel de 34 vitórias, 12 derrotas e um empate, foi derrotado em sua última passagem pelo octagon, pelo ex-campeão dos médios, Rich Franklin. A última vez que o Cachorro Louco lutou na divisão dos meio-pesados foi contra Quinton “Rampage” Jackson, no UFC 92, luta no qual Wandelei perdeu no primeiro assalto, por nocaute.

Já Brian Stann, que tem um cartel de 12 vitórias e cinco derrotas, é ex-campeão do extinto WEC, na categoria dos meio-pesados, e vem de derrota para Michael Bisping, no UFC 152, na decisão dos jurados. A última passagem de Stann pelos meio-pesados foi contra Phil Davis, no UFC 109, em fevereiro de 2010. Davis superou Stann na decisão unânime dos jurados.

O UFC confirmou também, segundo nosso repórter Erik Fontanez, que Stefan Struve e Mark Hunt vão se enfrentar neste mesmo evento pela divisão dos pesados. O embate será o coevento principal da noite. O UFC on Fuel TV 8 será a primeira sediada no Japão desde fevereiro, no UFC 144.

Wand havia revelado que, antes de se aposentar, gostaria de lutar no Brasil e no Japão. Com a luta que fará em Tóquio, Wanderlei realiza seu desejo. O brasileiro também disse que gostaria de pendurar as luvas no MMA com 50 lutas realizadas, e esta será sua 48°.

O que o leitor achou do combate marcado? Wanderlei vai voltar a brilhar no Japão, como fazia nos anos de Pride? Comente com a gente.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *