Nas internas: o dia em que Minotauro finalizou Jon Jones

Share it
Rodrigo Minotauro durante UFC153 _OpenWorkout

Rodrigo Minotauro durante treino aberto na Lapa, para o UFC Rio 153. Foto: Josh Hedges/UFC

Num esporte cheio de causos como é o caso do MMA, algumas histórias são tão boas que cheiram a folclore. E muitos fãs chegam até a duvidar que seja verdade. Quem não conhece um amigo que diz: “Aquela luta foi armada!” ou “Isso é bom demais para ser verdade, duvido!”.

Bem, esta é um exemplo disso, mas podem crer, fiéis leitores, este treino de luxo aconteceu.

Foi ali pelos idos de 2009, quando o hoje campeão Jon Jones era um jovem aspirante ao estrelato, e Rodrigo Minotauro sonhava em surrupiar o cinturão dos pesados de Brock Lesnar.

Os dois se encontraram num evento, e Jones exibiu algumas das principais qualidades capazes de forjar um verdadeiro campeão de artes marciais: a ousadia e a vontade de conferir.

Ao apertar as mãos de Minota efusivamente, Jones emendou: “Sou um grande fã seu. Mas olha, acho que você num treino de chão não é capaz de me finalizar!”. E disparou isso logo para outro viciado em adrenalina, um baiano apaixonado por um bom confere desde moleque.

Rodrigo, que sorria, parou e franziu as sobrancelhas. “Hein? Só se for agora”, e saiu tirando o relógio, acompanhando o americano para o tatame mais próximo.

Os detalhes técnicos do treino, como manda a ética do Jiu-Jitsu, a gente prefere não relatar em minúcias. Mas que o jovem campeão aprendeu muito, aprendeu. E percebeu que sim, Minotauro e o Jiu-Jitsu brasileiro possuíam armas capazes de lhe entortar.

Quer ler mais histórias de bastidores do Jiu-Jitsu e do UFC? Assine já sua GRACIEMAG, com condições especiais.

Ler matéria completa Read more
There are 9 comments for this article
  1. Yury Andrade at 7:37 pm

    Americanos, como sempre arrogantes…Mas tenho certeza q o Jon Jones levou o pandeiro pro tatame e tocou um belo pagode, batucando varias vezes pro Minotauro…Os americanos ainda ñ engolem a superioridade dos brasileiros, mas como dizia o velho lobo: "Vão ter q me engolir"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *