Para ganhar finais de rúgbi, time treina duro… no Jiu-Jitsu‏

Share it

O professor de Jiu-Jitsu e rúgbi Marcos Nevel. Foto: “The Daily Telegraph”

Você já deve saber que o Jiu-Jitsu faz bem para saúde, que movimenta todos os músculos e articulações do corpo, além de ser a mais eficiente defesa pessoal, mas que a arte suave pode ganhar um jogo de bola, isso pode ser novidade.

Na Austrália, a equipe de rúgbi dos Bulldogs vai enfrentar o Storm de Melbourne, no próximo domingo, pelas finais da NRL (o campeonato australiano de rúgbi), e vem investindo nos treinamentos de Jiu-Jitsu e wrestling para vencer o campeonato. O objetivo é ficar com o gás em dia e especialmente as pegadas para derrubar.

“O treinamento com técnicas de luta procura controlar os oponentes e ajuda a controlarmos também a velocidade do jogo”, teoriza Des Hasler, treinador dos Bulldogs.

Os treinos na arte suave são elaborados pelos faixas-pretas da Gracie Humaitá Marcos Nevel e Mauricio Cavicchini. “O trabalho está agradando demais, os jornais australianos estão fazendo reportagens conosco e todos estão comentando nossos treinos de Jiu-Jitsu com eles”, contou Cavicchini.

O jogo de domingo vai rolar no Estádio ANZ, em Melbourne, e 70 mil ingressos já foram vendidos.

Veja um pouco do treino de Jiu-Jitsu dos Bulldogs para evoluírem ainda mais nesse jogo de alto contato físico.

Ler matéria completa Read more
There are 5 comments for this article

Deixe uma resposta para Jorge Chrispino Neto Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *