Metamoris: 7 perguntas para Ryron Gracie, sobre André Galvão, luta sem pontos…

Share it
Ryron Gracie: o filho de Rorion é uma das estrelas do Metamoris Pro, dia 14 de outubro em San Diego. Ele encara André Galvão (à esquerda). Foto: Divulgação

Ryron Gracie: o filho de Rorion é uma das estrelas do Metamoris Pro, dia 14 de outubro em San Diego. Ele encara André Galvão (à esquerda). Foto: Divulgação

GRACIEMAG: No novo Metamoris Pro, no dia 14 de outubro, você tem pela frente um dos grandes do Jiu-Jitsu, o André Galvão, numa luta com kimono onde vence quem finalizar. Representar o nome Gracie numa disputa assim não traz uma enorme pressão?

RYRON: Acredito que anos atrás eu sentiria mais pressão, mas hoje é diferente. Ganhando ou perdendo, o nome Gracie vence no final, porque é o Jiu-Jitsu o maior vencedor. E assim o legado da família continua. A pressão portanto é pouca. E é somente uma luta, não tem drama. Mesmo assim, estou treinando todos os dias para não deixar esse tipo de pressão entrar na minha mente.

 

O que muda na sua carreira após a luta, em caso de vitória ou derrota?

Uma vitória talvez mostrasse principalmente que meu jogo não é fraco. O pessoal não me conhece, nunca treinou comigo, então meu jogo é uma incógnita para os oponentes. Eu mesmo quero me testar, por isso quis lutar. No caso de uma derrota para o Galvão, acho que não vai mudar muito. Meus alunos, por exemplo, não aprendem Jiu-Jitsu comigo porque eu sou campeão, eles são meus alunos porque ensino Jiu-Jitsu num ambiente agradável, ensino defesa pessoal, ensino lições de vida, sobre saúde e como se alimentar bem, na linha do que o meu avô Helio Gracie propagava como filosofia e estilo de vida. Tudo que Helio Gracie ensinou para o meu pai a gente quer continuar a ensinar para o mundo. Mesmo que eu perca, os alunos vão continuar gostando de treinar comigo.

 

Como você avalia o André Galvão como oponente?

Se fosse uma luta por pontos, eu não teria dúvida de que o André ganharia. Ele é muito duro, com uma base boa, é um cara muito forte e dono de uma técnica boa. Se ele cai em cima de mim e controla a luta, ele facilmente vence por pontos. E nem é do meu estilo ficar por baixo fazendo esforço para sair. Meu estilo é diferente. Preciso de tempo para trabalhar, gosto de mais tempo de luta. E isso é mais um motivo para eu ter entrado neste campeonato. Lutar sem pontos é uma maneira de apresentar o Jiu-Jitsu que eu acredito, onde a eficiência da arte fica mais evidente. Meu avô sempre falava: “Nunca venci uma luta, sempre foi meu adversário que perdeu”. É o adversário que comete um erro e você capitaliza ali e vence.

 

Você confia num erro dele? Você não costuma competir e ele está sempre nos grandes campeonatos…

Mesmo sem ter competido num Mundial, eu treino com muitos faixas-pretas de alto nível. Alguns desses caras já lutaram com o André, uns venceram, outros perderam por pontos, em lutas apertadas… Treino muito sem kimono também, com meus irmãos e com atletas de MMA. Então quero principalmente usar o Jiu-Jitsu de Helio Gracie, que pregava que você devia saber se defender e sobreviver em qualquer aperto. O que eu sei é o seguinte: vai ser difícil de me finalizar.

Quero ver o que ele tem na cartola e como vai fazer para me surpreender. Se eu bater, tudo bem… Mas espero estar com o gás bom para que ele canse e eu comece a botar pressão nele também. Já lutei várias vezes 50 minutos, uma hora, vamos ver como será em 20 minutos. Só sei que conheço poucas pessoas que tem um gás como o meu.

Como está seu treino? Viu algumas lutas do André Galvão?

Treino todo dia e dou aula de Jiu-Jitsu, o que vejo como uma parte muito importante do treino. Eu nunca paro, nunca bebo, só como de acordo com a dieta Gracie, respiro Jiu-Jitsu de manhã, de tarde e de noite. Assisti a somente duas lutas dele. Tenho de estudar mais o jogo dele para traçar a estratégia. Estou apenas começando a ver e também a admirar o Jiu-Jitsu dele, porque como você mesmo disse ele é um dos melhores do mundo.

 

O que você aprendeu de principal com seu saudoso avô Helio Gracie (1913-2009)?

Para meu avô, o Jiu-Jitsu foi feito para todos, não faz diferença se você é médico, professor, advogado, o Jiu-Jitsu é para você. A mensagem dele no fim era essa: dê ao Jiu-Jitsu uma chance, experimente. Muitos acham que o Jiu-Jitsu é só para o profissional, para o lutador, para atleta saudável, mas não. A mágica do Jiu-Jitsu está aí para todos que desejam saber se defender, entrar em forma, fazer amigos e sentir uma energia diferente.

 

Para encerrar, fale do sucesso dos quadros “Gracie Breakdown”, que de tanto alarde na internet hoje passam no canal Fuel TV. Destrinchar os golpes do UFC e Strikeforce é uma forma inovadora de popularizar o Jiu-Jitsu?

Estamos inclusive com um novo projeto na internet, o http://www.keepitplayful.com. Acho que nosso plano é mostrar para o mundo que o MMA e o Jiu-Jitsu estão ali, um do lado do outro. Sinto que às vezes o pessoal pensa tanto no MMA que esquece do Jiu-Jitsu. Tem lutadores começando no UFC que não sabem quem foi Helio Gracie. Tem uns que não sabem nem quem foi o Royce (risos). Então, minha família está aqui para não deixar que ninguém esqueça ou deixe de lado o Jiu-Jitsu.

http://www.youtube.com/watch?v=b1N23qOTqZo

Ler matéria completa Read more
There are 17 comments for this article
  1. Tododuro at 11:41 pm

    Quero ser o primeiro a comentar, pq fico impressionado com o que o Ryron fala. Amigo primeiro, vc fala como se o Andre lutasse por pontos, acho que vc nunca assistiu uma luta dele, ele tem uma centena de luta que ele finalizou e vc? Outra coisa, Andre nao vai te controlar, ele vai te amassar, vc com seu corpo de taruira nao entende, vc nunca tomou uma pressao dessas. Vc acha que so pq vai lutar com um top 5 na (minha opiniao), sua derrota nao quer dizer nada etc. Eu como lutador aposto que vc sabe o que vai acontecer. Vc torce pra um golpe de sorte assim como o Vitor torce contra o Jones. Vc escolheu um adversario de nivel , pois se escolhesse um ruim a derrota nao ia esvaziar sua academia.

    Vc e um excelente prof de jiu jitsu, mas hj em dia existem muitos , existe youtube e muitas academias muito boas, e se tiver um penta , tetra, ou tri mundial dando aula ao lado da sua academia, a concorrencia e certa. O jj dos gracies hj nao e o maior, e so olhar a check mat ai, alliance etc.

    Andre e mais completo , mais atleta, mais humildee muito, muito mais finalizador. Se prepare para tocar um pandeiro .

    Nao fale mais que ele joga por pontos , pois ele finalizou muita gente .

  2. Araujo Guilherme at 8:58 am

    Galera, sinceramente alguém acredita que o Ryron tem alguma chance? Eu não conhecia o seu jogo, mas após ver o vídeo acima tive certeza de que a luta não irá durar mais que 5 minutos. Quem viu a luta do André Galvão com o Nino sabe que é assim que vai ser.

  3. Marioluisfernandes at 12:40 pm

    O Jiu-Jitsu evoluiu e vem evoluindo a cada dia, fruto da grande quantidade de atletas que o praticam e dos campeonatos de alto nível. Hoje o que se vê são atletas com preparo físico olímpico , técnica apuradíssima e , principalmente , com ritmo intenso de competições aonde se confrontam com os melhores. O Ryron está de parabéns em se testar com um atleta do nível do Galvão, porém a meu ver, não entrando um golpe de sorte não vejo a possibilidade de vitória.

  4. Tododuro at 4:03 pm

    Tenho 7 perguntas pro Ryron tb.

    1) Vc disse que espera o Galvao cansar, mas vc sabia que ele ja venceu mundial peso e absoluto na roxa e na marrom , aonde fez mais de 10 lutas, ou seja, muito mais que 1 hr de treino lutando com atletas muito mais pesados?

    2)Vc disse que segue os ensinamentos do Helio Gracie, vc sabia que o Helio lutou centenas de vezes em competicoes, pq vc nunca lutou mais que uma?

    3)Quem e Vanila Gorila?

    4)Quem que vc treina que ja venceu o Andre? Se for o Roger, qtas vezes vc treinou com ele esse ano?Pois ele mora em Londres e ta no MMA…

    5)Vc treina com mais alguem que ja venceu o Andre ? Vc acha que sem fazer musculacao, ainda ganha alguma luta hj em dia?Conhece algum campeao mundial de jiu jitsu que nao malha?

    6)Vc disse que seu jogo e uma icognita… Como lutador ja percebi na sua luta acima que, vc nao sabe dar quedas e tb nao sabe defender. Nao joga por cima, e sua guarda nao e tao boa. Vc realmente acha que lutando como lutou com o Vanila Gorila vai conseguir lutar mais de 10 min com Andre?

    7) Roger e judoca, Royce e RIckson colocavam muitooo bem pra baixo… Rolls entao um monstro… Pq vc nao sabe nada de quedas ou defesa de quedas?

    Ryron, vc me parece um rapaz que, e dono de uma bola de futebol , e chama os amigos para jogar . Qd percebe que perdeu o jogo comeca a dar as desculpas etc. Por favor, qdo for finalizado, seja sincero consigo e aceite que vc vive uma ilusao criada por vc mesmo. Vc nao segue o que o Helio pregava, pois o Helio era um lutador nato, um casca grossa que estava sempre lutando, tanto ele como Carlos e George. Seu pai e seus tios, primos todos sao lutadores, e vc simplesmente se escondeu a vida inteira, e agora pelo que vi no video acima, o seu jiu jitsu e muito fraco. Te acho um faixa roxa que jamais venceria um absoluto, alguem mediano sem expressao

  5. Naousosapato at 10:23 pm

    Uma vergonha , colocar alguem sem espressao p lutar com o Galvao, nem Ralek nem Rayron e sei la quem …. nunca lutarao nada. So tem o sobrenome!!! Poe eles p lutarem um Paulista e vao toma um sacode…uma vergonha colocarem uma luta já definida antes de começar

  6. Marcelo Maciel at 6:49 pm

    Acho que o pessoal exagera quanto às críticas ao Ryron. Foi o próprio Andre Galvão que aceitou a luta, então não há pq se queixar do cartel do Gracie e parece que incomoda mais aos leitores, que ao próprio Galvão, a possibilidade de uma vitória do Ryron. Se alguém está se arriscando é o Ryron, pois está dando a cara a tapa, coisa que muito “valente” de tatame não faz. E não se esqueçam que ele já fez uma longa luta com o Crosley Gracie e não foi tão mal quanto falam por aqui.

    • Jaco at 12:36 am

      O Ryron esta arriscando? Arriscando o que? Ele ja nasceu com o sobrenome, nunca arriscou nem batalhou pra ter ser nome na historia do jj. Valente e o Roger, Kron, Royler. Agora competir com as proprias regras e diferente.

  7. Thiago Franco at 7:31 pm

    Tododuro….o jiu jitsu gracie nao é o melhor ? Kkkkkkkkkk….. Irmão jiu jitsu = gracie , todas as academia beberam dessa fonte .
    Sem hipocrisia !

  8. Vinir4mos at 3:44 pm

    Creio q todos vão se impressionar com a performance do Ryron. Todos acham que ele não tem pressão, que é um garoto mimado, um magrelo, não é conhecido e bla bla bla. Assim como o grande mestre Helio Gracie, ele vai provar pra todos que o verdadeiro Jiu Jitsu não necessita de força, mas sim de técnica mente e espírito. Ninguém o conhece, e fazem comentários sem nenhuma base concreta. Será uma grande luta para os dois lados. E não importa quem vença, o que vence sempre no final é o nome Gracie.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.