UFC on Fox 4: Shogun e Machida nocauteiam; Lyoto luta com vencedor de Hendo x Jones

Share it
Lyoto Machida ganha nova chance de lutar pelo cinturão do UFC. Foto: UFC

Lyoto Machida ganha nova chance de lutar pelo cinturão do UFC. Foto: UFC

Lyoto Machida e Maurício Shogun têm muitas coisas em comum.

Além de compatriotas, os dois brasileiros já foram campeões da categoria meio-pesado do UFC.

Machida perdeu o cinturão exatamente para Shogun, no segundo duelo entre os dois, depois que o primeiro foi considerado uma batalha com resultado injusto em favor de Lyoto.

Logo na primeira defesa do cinturão, o curitibano foi atropelado por Jon Jones, perdendo o posto de campeão.

Recuperado da derrota para Shogun, Machida ficou então frente à frente com Bones, quando foi finalizado pelo americano e perdeu a chance de reaver o cinturão.

Na tarde desse sábado, em Los Angeles, Machida e Shogun encontraram-se novamente para uma edição do UFC.

Em um Staples Center lotado, os dois brasileiros queriam a mesma coisa: readiquirir o direito de desafiar o vencedor da próxima disputa de cinturão dos meio-pesados, entre Jones e Dan Henderson.

Para isso, precisavam vencer e vencer bem!

Primeiro Lyoto e depois Shogun, os dois alcançaram seus objetivos.

Machida usou com perfeição a já famosa distância do karatê para anular o jogo de Ryan Bader e obrigá-lo a fazer justamente o que ele não poderia fazer, que era correr para dentro do brasileiro.

Um soco certeiro no queixo do americano em contragolpe à investida de Bader no início do 2R pôs fim à luta.

“O dragão voltou!”, anunciou Lyoto na entrevista a Joe Rogan, mas o mundo já sabia.

Na luta final do UFC on Fox 4, mais uma daquelas tradicionais exibições de Shogun.

Muita disposição, muita técnica na trocação, nenhum medo e um preparo físico sempre preocupante.

No 1R, Shogun botou para baixo, bateu de dentro da guarda, passou, pegou as costas, mas não finalizou.

No 2R, luta em pé com o brasileiro sempre mais eficiente, acertando golpes mais certeiros, mas sem o punch necessário para encerrar a luta.

Foi assim também no 3R e quando no 4R o fantasma do gás rondava novamente, com Brandon Vera conseguindo bons momentos e colocando o brasileiro em perigo, Shogun finalmente acertou o alvo.

Um bela combinação de cruzados quase arrancou o protetor bucal de Vera, que desnorteado foi ao chão.

Shogun obrigou o árbitro Herb Dean a interromper a luta com mais alguns socos no chão.

Na entrevista, reconheceu que cansou um pouco, mas frisou: “O importante era vencer e consegui!”

Na coletiva, o chefão Dana White completou a lista de grandes novidades da noite: “Lyoto vai lutar com o vencedor de Henderson x Jones. Ele me mostrou que quer essa luta muito mais do que Shogun”.

Perguntado sobre o que mudaria no seu treinamento para um novo confronto contra Jones, Lyoto foi franco: “Meu camp para a primeira luta foi ótimo, mas acho que tenho que melhorar meu wrestling. Mas é cedo ainda para pensar nisso”.

Elegante, Shogun não lamentou a preferência por Machida para a luta pelo título: “Respeito a decisão. Lutar é a minha vida e vou seguir fazendo isso”.

Dana não revelou quais são seus planos para o curitibano: “Não decidi, mas vamos pensar no próximo desafio para Maurício”.

White anunciou ainda que a luta da noite foi Joe Lauzon x Jaime Varner, a melhor finalização fai a de Joe Lauzon em Jaime Varner e o melhor nocaute foi para Mike Swick sobre Damarques Johnson.

Confira abaixo, os resultados completos.

UFC on FOX 4

4 de agosto de 2012

Los Angeles, CA, EUA

Mauricio “Shogun” Rua derrotou Brandon Vera por TKO aos 4min09s do 4R

Lyoto Machida nocauteou Ryan Bader aos 1min32s do 2R

Joe Lauzon finalizou Jamie Varner aos 1min32s do 3R

Mike Swick nocauteou Damarques Johnson aos 1min20s do 2R

Nam Phan derrotou Cole Miller na decisão dividida

Phil Davis x Wagner Prado foi declarada sem resultado após interrupção médica

Rani Yahya finalizou Josh Grispi no estrangulamento norte-sul aos 3min50s do 1R

Phil De Fries finalizou Oli Thompson no mata-leão aos 4min16s do 2R

Manny Gamburyan derrotou Michihiro Omigawa na decisão unânime

John Moraga nocauteou Ulysses Gomez aos 2min43s do 1R

Ler matéria completa Read more
There are 3 comments for this article
  1. Prontopouviraverdade at 10:49 am

    Para ter gás basta treinar e quem entende um pouquinho de lutas – quando eu digo entender…significa treinar e não ficar com ilusões ou preferências por lutador A ou B..sem nunca se dedicar a um treino real, só assistir é fácil e qualquer criança faz isso – sabe que o Sr. Maurício Shogun não está treinando sério, é fato, talento ele tem de sobra, mas um CAMP isso ele não tem já há uns bons 4 anos….só raça não faz ninguem campeão. Vamos acordar para a vida e fazer por onde, porque ‘de boca’… todo mundo é campeão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *