UFC 145: Jon Jones mantém título contra Rashad e agora encara Dan Henderson

Share it

Jones com braços erguidos. Foto: UFC.

Não foi um combate dos mais movimentados, nem mesmo, apesar de trazer bons wrestlers, foi em algum momento para o chão. Os cinco rounds entre Jon Jones e Rashad Evans, neste sábado, no UFC 145, foram em pé.

Jones dominou o centro do ringue e foi mais agressivo, além de ter conectado os melhores golpes. Rashad resistiu bem, não sofreu grandes avarias, mas não fez o suficiente para vencer. A decisão foi por unanimidade a favor de Jon que, aos 24 anos de idade, chega à 16ª vitória – apenas uma derrota, por desclassificação. Esta foi a terceira defesa de cinturão bem sucedida a favor do Bones, que agora vai encarar o veterano Dan Henderson, como confirmou logo em seguida Dana White, presidente do Ultimate.

“Fiquei surpreso por não conseguir nocautear, o Rashad também melhorou muito o jogo dele”, comentou Jones.

“O que mais me atrapalhou foram as cotoveladas, acho que fiz o jogo errado. Não creio que fiz um bom trabalho”, analisou Rashad, em seguida.

O nocaute da noite foi para Ben Rothwell, que derrubou Brendan Schaub a 1nib10s do primeiro assalto e cheou à 32ª vitória na carreira – oito derrotas. O bônus valeu ao americano mais 65 mil dólares na conta. A melhor luta foi entre Eddie Yagin e Mark Hominick, combate vencido pelo primeiro por decisão unânime. Já a finalização foi para o katagatame de Travis Browne em Chad Griggs, aos 2min29s do round inicial. No entanto,foi a única finalização da noite.

Confira todos os resultados das lutas em Atlanta:

Jon Jones venceu Rashad Evans por decisão unânime
Rory MacDonald venceu Che Mills por TKO no R2
Ben Rothwell venceu Brendan Schaub por KO no R1
Michael McDonald venceu Miguel Angel Torres por KO no R1
Eddie Yagin venceu Mark Hominick por decisão unânime
Mark Bocek venceu John Alessio por decisão unânime
Travis Browne finalizou Chad Griggs com um katagatame no R1
Matt Brown venceu Stephen Thompson por decisão unânime
Anthony Njokuani venceu John Makdessi por decisão unânime
Mac Danzig venceu Efrain Escudero por decisão unânime
Chris Clements venceu Keith Wisniewski por decisão dividida
Marcus Brimage venceu Maximo Blanco por decisão dividida

Ler matéria completa Read more
There are 3 comments for this article
  1. Hirosiro ryan at 6:25 am

    Luta muito boa do Jones x Rashad, luta na trocação e muito melhor de se ver, Dan Handerson do qual sou admirador, tem poucas chances contra a envergadura e a explosão de Bones Jones. Se Jones perder para Hendo será ZEBRA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *