Cesar Gracie comenta superluta com Bráulio: “Se Nick vencer, será histórico”

Share it
Cesar Gracie com seu faixa-preta Nick Diaz. Foto: Strikeforce.

Cesar Gracie com seu faixa-preta Nick Diaz. Foto: Strikeforce.

Nick Diaz, peso meio-médio do UFC, todos já conhecem. É aquele talentoso meio-médio do UFC que vive de cara feia, e hoje cumpre suspensão por doping (maconha), sem saber quando volta ao octagon. Já Bráulio Estima, professor da GB e supercampeão do ADCC 2011, é famoso no mundo do Jiu-Jitsu. Como os colegas do site MiddleEasy.com já definiram, se Carcará fosse um personagem de Playstation, a Sony precisaria criar novos botões para o controle, tamanha sua variedade de golpes.

Foi justamente o MiddleEasy, com seu repórter LayzieTheSavage, que encontrou-se com Cesar Gracie, o técnico e mestre de Diaz, para saber o que pensa o treinador sobre a superluta, válida pela categoria até 180 libras, no próximo dia 12 de maio, na 1ª World Jiu-Jitsu Expo, em Long Beach.

Destacamos os melhores momentos do bate-papo com Cesar Gracie.

As chances de Nick Diaz contra Bráulio Estima

“Acho que o Nick está sendo um pouco superestimado pelos fãs, ele não é um pugilista que aprendeu Jiu-Jitsu, e sim um atleta de Jiu-Jitsu que sabe lutar boxe hoje. Ele sabe bastante Jiu-Jitsu, arte que treina desde pequeno, e tem como oferecer muita resistência. Eu acho que será uma grande luta, Bráulio Estima é o melhor na modalidade hoje. E é um cara legal, treina com meu primo Roger, e apesar da nossa distância geográfica somos de alguma maneira todos da mesma raiz, mesmo time, da mesma origem. Tenho muito respeito por esses caras.

A negociação com a Jiu-Jitsu Expo

“De fato Nick queria participar do torneio (da IBJJF) da Expo, e os organizadores da feira acharam mais legal ele protagonizar uma superluta. Nick disse que topava lutar com quem fosse, ele apenas quis se testar contra os melhores do mundo. Primeiro seria com kimono, depois eles fecharam o oponente, e então ligaram perguntando se poderia ser na regra do Jiu-Jitsu sem kimono. Nick queria se testar de kimono inicialmente, mas não se opôs de forma alguma. Mesmo suspenso pela Comissão Atlética, ele vem treinando MMA todo dia e está em plena forma.

O que o resultado representa para Nick Diaz

“Se perder, perdeu, Nick não está preocupado com isso. Agora, eu acho que se ele vencer será algo enorme, histórico. Apesar de ter um Jiu-Jitsu refinado, Nick faz outras coisas no seu dia-a-dia, é um lutador de MMA e treina outros aspectos da luta também e não se dedica ao Jiu-Jitsu tanto quanto Bráulio, um supercampeão no auge em sua modalidade, que vem competindo sempre. Mas nada o assusta. Se Nick vencer, será histórico, será como aqueles garotos do hóquei que em 1984 venceram os russos profissionais (sorri).”

E para você, leitor? Bráulio finaliza? O astro do UFC surpreende e vence? Qual seu palpite para o dia 12?

Ler matéria completa Read more
There are 5 comments for this article
  1. Felipe Amorim at 12:29 pm

    a disparidade técnica é tão grande, que o próprio treinador do nick diz que será uma vitória histórica caso ela vença.

  2. Jiujitsummabrasil at 2:11 pm

    Braulio vai espancar o maconheiro e chamar o BOPE pra prender esse lutador fake que patrocina traficante.Da-lhe carcara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *