WPJJC 2012: Rodolfo supremo no Emirado do Jiu-Jitsu

Share it
Rodolfo é bicampeão mundial profissional de Jiu-Jitsu

Rodolfo é bicampeão mundial profissional de Jiu-Jitsu. Foto: GRACIEMAG.com.

As temperaturas em Abu Dhabi podem facilmente ultrapassar os 50 graus no verão.

Apesar da proximidade do deserto da arábia, os locais afirmam que se trata de um calor abafado, úmido.

Rodolfo Vieira se sente em casa em Abu Dhabi.

Natural de Campo Grande, zona oeste do Rio de Janeiro, Rodolfo está habituado ao calor e à umidade.

“Em Campo Grande nem faz tanto calor assim, mas no Meier, onde fica a academia do mestre Júlio Cesar, é quente demais”, brinca Rodolfo.

Nesse sábado, 14 de abril, Rodolfo provou mais uma vez que se sente em casa nos Emirados Árabes Unidos.

Ao derrotar primeiro Roberto “Tussa” Alencar na categoria -94kg e depois André Galvão no aberto, Rodolfo se tornou bicampeão mundial profissional absoluto e chegou à marca de seis ouros nas diversas edições do WPJJC.

Sob o olhar do Sheik Mohammed bin Zayed Al Nahyan, patrono do evento, o carioca tornou-se, sem dúvida, o líder supremo do Emirado do Jiu-Jitsu.

Na final do absoluto, confronto equilibrado com Galvão.

Uma queda abriu o placar, mas o paulista revidou com uma bela raspagem.

Rodolfo voltou à frente do placar com nova raspagem.

Até o fim, André evitou que Rodolfo passasse sua guarda, mas não conseguiu empatar o placar.

Depois da luta, duas análises interessantes, primeiro de Galvão: “Ele [Rodolfo] tem muito equilíbrio por cima e está muito bem treinado no judô. Agora vou treinar ainda mais e vou ganhar dele no Mundial, em Long Beach”, prometeu.

Depois Rodolfo, respondendo: “Espero que ele esteja errado. Não sou vidente para dizer se vou ganhar ou não, mas vou treinar ainda mais forte para o Mundial. O André é muito duro, mas usei o meu jogo de sempre, derrubando e tentando passar. Desta vez não consegui passar, mas venci”, analisou.

Gabi tambem coroada e mais Jiu-Jitsu

No feminino, Gabi Garcia escreveu mais um capítulo de sua supremacia na categoria.

A gaúcha primeiro bateu Maria Malyjasiak por 7 a 0 na classe +72kg e depois fez 3 a 2 em Beatriz Mesquita, no absoluto.

Sobre o placar apertado na final do aberto, Gabi foi franca: “Pontuei na frente e resolvi não correr riscos. no fim o juiz me puniu com dois pontos, mas estava segura”.

Ainda no feminino, Michelle Nicolini aproveitou um tornozelo machucado para finalizar Kyra Gracie; Luanna Alzuguir bateu Luiza Monteiro por uma vantagem; Fernanda Mazelli fez a mesma coisa contra Jessica Oliveira; e Nyjah Easton foi bastante superior a Samara Reis, marcando 17 a 0.

De volta ao masculino, Fernando Vieira derrotou Thiago Barreto por 3 a 1 nas vantagens; Samuel Canquerino fez 15 a 0 em Raphael dos Santos; Roberto Satoshi fez 2 a 0 em Lucas Lepri; Claudio Calasans Jr venceu Lucas Leite por 2 a 0; Andre Galvão finalizou Vitor Toledo nas costas; Rodolfo Vieira finalizou Roberto Alencar no armlock; Xande Ribeiro derrotou Bernardo Faria por 2 a 0; Marcus Bochecha finalizou Antônio Braga Neto na chave de tornozelo.

Destaque para a incrível raspagem de Xande Ribeiro em Bernardo Faria, segundos antes do fim, para virar o placar; e para boas finalizações: Galvão não aliviou o companheiro de equipe Vitor Toledo e Bochecha achou o pé de Braga Neto em menos de um minuto.

Confira abaixo uma galeria de fotos exclusiva das emoções desse sábado no WPJJC 2012.

[flickr set=72157629819385215]

Fotos: Ivan Trindade e Luca Atalla

Ler matéria completa Read more
There are 10 comments for this article
  1. Renan Nascimento at 5:41 pm

    A kyra sempre falou q nunca ia bater a mão,q ia fazer como os tios q deixaram qbrar….Mas na hora o bicho pega né….

    • Jack at 5:49 pm

      tem entrevista em que ela afirma que bateria sem receio, pois sabe que quebrando a recuperacao eh longa e ardua… uma medalha de prata nao eh tao ruim assim! Oss!

  2. Daniel at 9:25 am

    O Galvão no primeiro confronto de kimono com o Rodolfo já fez o que o Bernardo está tentando fazer há anos, que é raspar o mesmo. Se o Galvão evitasse aquela queda e colocasse na fechada no início a luta ia ser mais complicada ainda pro Rodolfo. No mundial vai ser pegaria, parabéns aos dois.

      • Daniel at 5:23 pm

        Em algum momento eu falei que ele não foi superior? o que eu falei é que o andré tem jiu jitsu pra fazer lutar equilibrada com o rodolfo, tanto que o fez.

        Quem não existe é vc mané, tanto que é capaz de falar que o tempo do Roger já passou….

  3. Fred Fernandes at 12:12 pm

    parabens ao Manauara casca grossa Fernando Vieira!!!!!!
    campeão 64kg….
    lembrando que a 3semanas atras estava lutando MMA , aqui em Manaus!!!!
    tbm ganhou sua luta no AFC
    abraço a todos.

  4. Rodrigo Montini at 2:10 pm

    Duvido hoje em dia o Roger ganhar fácil do Galvão, não sei se você percebeu mais os atletas estão cada dia mais justos e duros. O ROGER NÃO COMPETE MAIS E NÃO VAI MAIS COMPETIR. O TEMPO DELE JÁ PASSOU!

  5. Rodrigo Montini at 2:15 pm

    Duvido hoje em dia o Roger ganhar fácil do Galvão, não sei se você percebeu mais os atletas estão cada dia mais justos e duros. O ROGER NÃO COMPETE MAIS E NÃO VAI MAIS COMPETIR. O TEMPO DELE JÁ PASSOU!

  6. Jerry at 9:14 pm

    BlackJJCollapse

    Cara acorda… O Roger é soberano e o único jogo capaz de vencê-lo por incrível que pareça ainda é o da Xande e o do Jacaré se estivesse lutando com kimono ainda… O Rodolfo é execelente e um dos tops sim, mas pro Roger meu velho ainda não dá… e vc verá isso se ele lutar o Mundial deste ano…
    ————————————

    guarde esse seu comentário e, tomara que o Roger lute o mundial…

    na minha opinião, o Roger não passa nem do Galvão!

    • BlackJJ at 9:05 am

      Está registrado então.. se o Roger lutar o Mundial… no dia seguinte a matéria vai ser: “Rodolfo é supremo em Abu dhabi, mas Roger Gracie é mais uma vez soberano e imbatível no Mundial de Jiu Jitsu !!!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *