Tudo que você precisa saber para ter uma guarda mais eficiente

Share it

Isaque Paiva asfixia Bruno Frazatto com a ajuda das pernas, na seletiva de Gramado, em março. Foto: Ivan Trindade/GRACIEMAG.

Todo mês, nas bancas, você encontra em GRACIEMAG mil e um segredos para afiar seu Jiu-Jitsu. Aqui no GRACIEMAG.com, procuramos apenas complementar as aulas. A de hoje é sobre guarda, as pernas que defendem o pescoço e os braços do lutador.

Como diz Carlos Gracie Jr, “a guarda é a fortaleza do lutador de Jiu-Jitsu” – pura verdade. A partir desta posição, o praticante da arte suave tem milhões de opções de embarreirar o agressor, além dos incontáveis ataques que podem encerrar um duelo, com e sem kimono.

O GRACIEMAG.com foi atrás de sete monstros do pano que não se furtaram a dar dicas de como atacar com eficiência de dentro da guarda. Aprenda com eles, e no fim deixe sua dica: o que você faz para ter uma guarda eficiente e para ser um lutador completo?

1 – Combine a defesa e o ataque da guarda

Para Isaque Paiva (Saikoo), o segredo é conseguir manter a posição de defesa, e ao mesmo tempo buscar, cada dia com mais eficiência, aplicar golpes possíveis dali, como por exemplo, o estrangulamento.

2 – Ataque para não precisar defender

Para o campeão do Pan 2012 Lucas Leite, o principal é ficar com uma guarda ofensiva, jamais estática. “De dentro da guarda a dica é atacar – quanto mais você ataca, menos vai precisar se defender”, ensina o professor da CheckMat.

3 – Quebre a postura do inimigo

Segundo Marcel Fortuna (Ralph Gracie), “um dos grande detalhes da guarda fechada é trabalhar na postura do seu oponente. Treine para estourar as pegadas dele e puxe o oponente para coma de você, quebrando a postura. Esse é um ótimo detalhe. Depois é só começar a trabalhar as raspagens e finalizações”.

4 – Escale o adversário com a lapela

A próxima lição vem direto da Pensilvânia, nos Estados Unidos. O faixa-preta Daniel Beleza (SAS) ensina com exclusividade, ao leitor do GRACIEMAG.com, um estrangulamento de dentro da guarda com o uso da lapela do adversário.

5 – Pegada na gola e na manga do kimono

Para André Galvão, a chave é o controle. “Domine a gola e a manga de seu adversário, e você terá muitas opções de ataques da guarda”, reforça o professor da Atos. “Com estas pegadas, você pode pegar braço, triângulo e omoplata. É uma pegada básica, mas que oferece muitas opções de finalização, controle e ataques”.

6 – Treine muito omoplata e ligue o automático

Para Lucas Lepri (Alliance), a repetição da omoplata é um caminho suave. “Gosto muito da chave omoplata, acho que funciona bem para qualquer guarda, e sempre surpreende o adversário”, ensina Lepri. “Você só precisa treinar várias vezes para ficar no automático, e depois disso ajustá-las ao seu treinamento”.

7 – Tenha uma posição inicial forte no Jiu-Jitsu

“Controlar a postura do seu adversário é fundamental para atacar da guarda”, diz Zak Maxwell (Gracie Humaitá). “Com a mão forte na lapela e outra na manga, eu me sinto mais confortável para começar a maioria dos meus ataques. Tenha uma posição inicial que você confie e caia dentro”.

E você, tem alguma lição ou vídeo favorito sobre guarda? Divida com a gente.

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article
  1. Daniel at 9:17 am

    eu sempre fui relutante em utilizar lapela , mas esse estrangulamento da guarda cruzando o braço pega demais, muito bom.

  2. Mauriciomvargas at 3:46 pm

    Fazer guarda é uma arte. Roleta disse uma vez que gostava de ficar na defensiva frustrando as tentativas de passagem do oponente, para ai então quando ele estivér cansado fisicamente e mentalmente começar a trabalhar raspagens e finalizações. Salve ROLETA a melhor guarda de todos os tepos….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *