Alan Belcher dá a receita para vencer Rousimar Toquinho no UFC

Share it

Davi Ramos, Daniel Moraes, Belcher e Dean Lister Foto: Arquivo pessoal/GRACIEMAG.com.

Alan Belcher é um dos grandes nomes no peso médio do UFC, e para chegar a uma chance de brigar pelo cinturão da categoria, que está nas mãos de Anderson Silva, o americano precisa passar primeiro por Rousimar Toquinho. O embate será n o dia 5 de maio, pelo UFC on Fox 3, em Nova Jersey, e o colaborador do GRACIEMAG.com Diego Marcello tem acompanhado a preparação no Mississipi.

Treinado pelo faixa-preta Daniel Moraes, bicampeão mundial de Jiu-Jitsu na faixa-preta (2003/04), e os não menos cascudos Davi Ramos e Dean Lister, o americano está confiante depois do tsunami que passou por sua vida.

“Nos últimos dois anos, eu fiz apenas duas lutas, porque estava machucado e levei muito tempo para me recuperar. Eu não tinha nem certeza se ia voltar a lutar, e nesse período minha esposa ficou grávida, foi como um teste para mim. Assim que eu fechei uma luta meu filho nasceu”, contou, antes de falar da estratégia para se livrar das perigosas chaves do brasileiro.

“O que ele faz é incrível, numa categoria que tem muitos caras bons. Todos que perderam pra ele acho que entraram no jogo dele. A receita para vencer Toquinho é não entrar nesse jogo de posições justas. Se ele não conseguir fazer esse jogo de chão, ele não vai conseguir fazer nada contra mim”, garantiu.

Confira a entrevista completa de Alan Belcher, em inglês, e comente abaixo: Belcher será capaz de neutralizar o chão cascudo de Toquinho?

Ler matéria completa Read more
There are 3 comments for this article
  1. Carlos-guerreyro at 9:55 am

    Esse cara tá falando demais, vamos ver lá dentro do octagon! Vai ser só mais um, muito cuidado com as pernas e tornozelos, vai ter que leva elas no dia da luta…E o jiu jitsu do toquinho gosta demais de pernas e tornozelos. (Toquinho vai finalizar)

Deixe uma resposta para Carlos-guerreyro Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *