Abril é o mês do Brasileiro de Jiu-Jitsu, no Grajaú Country Club

Share it
Leandro Lo faz guarda contra JT, no Brasileiro do ano passado, ainda no Tijuca. Este ano o ginásio tradicional estava reservado para competições de basquete. Foto: Gustavo Aragão.

Leandro Lo faz guarda contra JT, no Brasileiro 2011, ainda no Tijuca. Este ano, o clássico ginásio foi reservado para jogos de basquete. Foto: Gustavo Aragão.

Torneio mais antigo e tradicional do Jiu-Jitsu, o Campeonato Brasileiro da CBJJ será realizado este ano no ginásio do Grajaú Country Club, no Rio de Janeiro, em cinco dias. O campeonato começa em abril, nos dias 27, 28 e 29, e termina na outra semana, nos dias 5 e 6 de maio.

As inscrições começam em breve. Para saber mais, visite o site da CBJJ, aqui.

Torneio é celeiro de craques do Jiu-Jitsu

Atenção maior deve ser dada ao prazo de afiliação, que pode ser feita de forma online ou por correio. Para se afiliar à CBJJ a tempo de lutar o Brasileiro, é preciso respeitar o prazo de 28 de março.

Para se afiliar a CBJJ, clique aqui.

Inspire-se para os treinos com a final de 2011 da faixa-preta peso leve, entre Leandro Lo (Cicero Costha) e Michael Langhi (Alliance).

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. Antonio Borges at 3:07 pm

    Lamentável essa atitude da CBJJ, ginásio sem nenhuma condição de receber um evento como o Campeonato Brasileiro. Sempre defendi a CBJJ mas desse jeito parece que só está visando o lucro mesmo…
    Que tal pegar um pouquinho do lucro desses anos todos e fazer o evento no Maracanãzinho ou HSBC ???

  2. Jiu Metal Core at 6:50 pm

    Sr Carlos Gracie só quer perpetuar no poder e nao fazer nada de concreto pro Jiu Jitsu brasileiro e agora no IBJJF o Jiu Jitsu esta fadado a ser uma arte marcial apenas, sem ser esporte olimpico, porque desse jeito nunca vai ser. A CBJJ tem dinheiro pra investir em um brasileiro de qualidade em lugar apropriado e com minimas condicoes para os atletas. Sou do Jiu Jitsu mas cada vez mais tenho inveja das competicoes de Judô que tem organização e valoriza os atletas.

  3. Rodrigoregis at 10:54 am

    Concordo com o leitor abaixo, CBJJ sem nebhuma estrutura para tornar o jiu-jitsu esportivo em esporte olímpico. Primeiro precisa rever a regra em relação ao tempo pois 10 minutos é muito tempo de luta para uma modalidade olímpica. Siga os exemplos do Judô por exemplo. Diminua o tempo e torne as lutas mais dinâmicas. 6 minutos está excelente para dinamizar as lutas.

    • Antonio at 8:09 am

      O Jiu Jitsu nunca vai ser esporte olímpico, afinal o primeiro requisito exigido pelo COI é uma Federação democrática para cada esporte…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *