Quer rever como defender o triângulo no Jiu-Jitsu ou MMA? Não deixe quebrar a postura

Share it
Dustin Pourier encerra luta do UFC 143 com o Jiu-Jitsu. Foto por Josh Hedges/Divulgação UFC.

O peso-pena Dustin Pourier representou bem o Jiu-Jitsu no UFC 143. Foto: Josh Hedges/Divulgação UFC.

Sábado no UFC 143, a finalização da noite foi de Dustin Poirier. Com seu triângulo justo, o faixa-roxa da Louisiana arrochou o braço de Max Holloway aos 3min23s de luta, em Las Vegas. Seu bom Jiu-Jitsu rendeu mais 65 mil dólares na conta bancária, sem falar na 12ª vitória na carreira, em 13 lutas.

O triângulo, visto desde os primeiros UFCs com Royce, continua portanto arma muito eficiente para finalizar, com ou sem kimono – é aquilo, são duas pernas e dois braços contra o pescoço do rival. Mas há sempre uma saída.

Use o peso no Jiu-Jitsu, ao emborcar ou cair para trás

Você pode defender o golpe tanto se jogando para frente como para trás. O negócio é não deixar o adversário quebrar sua postura nem aprisionar seu braço de vez.

Neste vídeo exclusivo, o faixa-marrom Alvaro Fontes, da equipe cearense SAS, demonstra como sair do triângulo se lançando para trás, uma saída bem útil também sem kimono, perfeita para aquela hora em que o fôlego já estiver no fim.

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
    • Austin cohab alliance sp at 11:38 pm

      acho mais eficiente e mais seguro sair com o joelho no abdomen do lado do braço que está dentro e aumentando a pressão segurando o quadril do oponente tipo balde, puxando o braço e chegando ao 100kg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *