Wendel, Ratinho e Patolino sobem mais um degrau no WOCS

Share it

Wendel Negão com seu treinador Mangueira. Foto: Arquivo GRACIEMAG.com.

No fim de semana, o WOCS fechou sua temporada na Barra da Tijuca, e a 17ª edição do bom evento de MMA nacional trouxe alguns destaques.

William Patolino (Pejor) mostrou mãos pesadas e determinação ao vencer Roger Berger ainda no primeiro round, por nocaute técnico. Invicto, Patolino começa a mostrar sinais de que é capaz de voos maiores em sua categoria, 77kg.

Logo após a atuação de Patolino, outra grande luta no WOCS 17. Thiago Marreta, atleta da TFT, venceu no terceiro round Enéas Souza (Relma Team) com um inapelável mata-leão. A luta começou com domínio de Marreta, mas no segundo round Enéas reagiu bem, encaixando bons golpes. Thiago então se reestabeleceu e buscou a finalização no terceiro round.

O evento marcou pela presença do atleta do Bellator Rodrigo Ratinho (TFT/Pochet), que enfrentou Denilson Silva (BPT) numa luta marcada pela agressividade antes mesmo da pesagem.

Os atletas, que colaram as textas na pesagem de sexta, trataram logo de oferecer ao público uma luta bem agressiva. Quem se deu bem foi mesmo Ratinho, que venceu por nocaute técnico no primeiro assalto, com socos na guarda.

O meio-médio Wendel Negão (Mangueira Team) teve mais uma ótima atuação, primeiro acertando o nariz e logo depois despachando Rafael D’Alseco no primeiro round. Na última luta da noite, Alexandre Baixinho venceu o argentino Fávio Martino no duelo internacional do evento.

WOCS 17
Barra da Tijuca, Rio
17 de dezembro de 2011

Lutas Amadoras
Leonardo Felix (TFT/Índio) venceu Washington dos Santos (Celeiro) por decisão dividida dos jurados
Paulo Nicolas (Senna/Caverna) pegou Douglas Silva (TFT/Pochet) no mata-leão
Thiago Silva (Infight) venceu Cristiano Junior (Relma) por decisão unânime
Luiz Mikimba (Brazilian Fight) venceu Jonatan Cabelinho (TFT/Pochet) por desclassificação (golpe ilegal)

Lutas Profissionais
Otton Jassé (Infight) pegou José Claudio (Relma) no triângulo de mão aos 1min02s do R1
Pablo dos Santos (Brazilian Fight) venceu Magno “Pirulito” (Honório JJ) no mata-leão aos 2min27s do R1
Denis Figueira (Relma) venceu Nyzio Freitas (GBCT) por decisão unânime
Willian Patolino (Pejor) venceu Roger Berger (PRVT) por nocaute técnico aos 2min40s do R1
Tiago Marreta (TFT) venceu Enéas de Souza (Relma) no mata-leão aos 2min52s do R3
Rodrigo Ratinho (TFT) venceu Denison Silva (BPT) por nocaute técnico aos 2min39s do R1
Wendel Negão (CCT) venceu Rafael D’Alseco (Cicero/MG) por nocaute técnico aos 2min02s do R1
Alexandre Baixinho (Carlson/Ari Galo) venceu Fávio Martino (GOA/ARG) por nocaute técnico aos 3min38s do R1

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *