Os campeões mundiais sem kimono na faixa-preta

Share it

Bochecha, campeão superpesado e absoluto. Foto: John Cooper/Divulgação.

O Mundial Sem Kimono pegou fogo no sábado na Califórnia, onde mais de 900 atletas brigaram, mas somente um saiu com o trono principal. Marcus Vinicius “Bochecha”, da CheckMat, foi o grande campeão absoluto faixa-preta e tornou-se rei de Long Beach pela primeira vez, ao fechar com João Assis, companheiro de equipe que ficou com a vice-colocação após acordo entre os dois.

O Mundial teve outros destaques no adulto faixa-preta, como você confere a seguir. No absoluto feminino, Michelle Nicolini tirou onda ao finalizar Beatriz Mesquita na final, com uma chave de pé ao estilo de Rodrigo Cavaca, seu treinador. No resultado geral, deu CheckMat, com Gracie Barra em segundo. No master, Fabiano Pega-Leve foi o campeão absoluto.

Para os resultados completos, cheque IBJJF.org.

Lovato venceu Popovitch na final dos meio-pesados. Foto: John Cooper.

Galo: Brandon Mullins venceu Joseph Capizzi por 5 a 0

Pluma: Caio Terra venceu Laércio por 3 vantagens (4 a 4 no placar)

Pena:  Rubens Cobrinha finalizou Justin Rader (estrangulamento pelas costas a 12 segundos para o fim)

Leve: Lucas Lepri venceu Augusto Tanquinho por 1 vantagem (0 a 0)

Médio: Victor Estima venceu Thiago Aragão na chave de pé

Meio-pesado: Rafael Lovato venceu Pablo Popovitch por 4 a 0 (punição e raspagem)

Pesado: Lucas Leite venceu Roberto Tussa por 1 vantagem

Superpesado: Marcus Bochecha finalizou Antonio Peinado com um triângulo de mão

Pesadíssimo: Roberto Cyborg finalizou Ricardo Feliciano no triângulo

Feminino:

Absoluto: Michelle Nicolini finalizou Bia Mesquita na chave de pé

Pena: Michelle Nicolini finalizou Nyjah Easton com uma chave de braço após montar e pegar as costas

Leve: Bia Mesquita derrubou Tracey Goodell e venceu por pontos

Médio: Rachel Leigh finalizou Emily Kwok na chave de joelho

Pesado: Emily Wetzel venceu Katrina no mata-leão

Ler matéria completa Read more
There are 7 comments for this article
  1. Carlos Frederico at 8:16 am

    Parabens Buchecha e Michelle tive a oportunidade de treinar com essas feras , tanto na capacidade como na humildade

    Parabens

    Carlinhos

  2. Anônimo at 9:03 pm

    Na moral!!!!!! mais o Buchecha só levou o Pan aqui em Brasília por que o Ló “se lascou” pego o Claudinho um dos melhores da capital, pesa apenas 150kg fez uma força das maiores pra segurar o cara seria evidente que não seria capaz de proseguir na disputa. deu sorte Buchecha!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *