Com card “meio médio”, UFC estreia 5 rounds sem disputa de cinturão à tarde

Share it

Mark Muñoz é o favorito neste sábado. Foto: Josh Hedges/UFC.

O Ultimate Fighting Championship retorna à Inglaterra para o UFC 138, neste sábado, dia 5, na LG Arena, em Birmingham. Como atração principal do evento, o duelo entre Chris Leben, que vem de uma vitória avassaladora sobre Wanderlei Silva em 27 segundos, e Mark Muñoz, que também vem de vitória contra um brasileiro, Demian Maia.

Os lutadores escalados vão protagonizar pela primeira vez no uFC uma luta de cinco rounds sem ter um cinturão em disputa. Dois brasileiros participam do card principal. Thiago Alves encara o congolês naturalizado sueco Papy ‘Makambo’ Abedi, invicto na carreira, e Renan Barão, que faz a penúltima luta da noite contra o ídolo local Brad Pickett.

O UFC 138 começa a partir das 15h30 (horário de Brasília). O Facebook oficial do UFC transmite as duas primeiras preliminares da programação ao vivo às 15h30.

Leben e Muñoz se enfrentam em cinco rounds

Aos 30 anos, Chris Leben tem um cartel de 22 vitórias, com 12 nocautes e sete derrotas. O americano vem de uma vitória espetacular sobre Wanderlei Silva. Em 2008, o atleta foi vencido por Michael Bisping em uma decisão por pontos e foi flagrado nos exames antidoping por conta de anabolizantes. Após seu retorno ao evento, Leben se recuperou e já venceu quatro das seis lutas que disputou no UFC.

Agora, o americano tem pela frente a “máquina de destruição filipina”, Mark Muñoz.

Pela primeira vez em uma luta principal, Muñoz, de 33 anos, já possui um respeitável cartel de 11 vitórias na carreira, sendo cinco por nocaute, e apenas duas derrotas. Em dois anos no UFC, o filipino, como é chamado por conta de sua ascendência, lutou oito vezes e venceu em seis ocasiões, sendo a vitória mais recente sobre Demian Maia, no UFC 131. O atleta da categoria peso médio também participou do WEC.

Ídolo inglês no caminho de Renan Barão

Após estrear com vitória em maio no UFC, contra Cole Escovedo na edição 130, o potiguar Renan Barão se destaca no UFC 138 e participa pela primeira vez escalado na co-luta principal, contra o ídolo local Brad Pickett, pelo peso galo. Após colecionar títulos no Brasil, Barão assinou com o WEC e estreou com vitória por finalização sobre Anthony Leone. Seis meses depois, finalizou também Chris Cariaso. Com isso, o lutador perdeu apenas um combate em 28 disputados. Em caso de vitória, Barão pode ter em breve a oportunidade de enfrentar Dominick Cruz pelo cinturão da categoria.

Pitbull mordido contra estreante

O cearense Thiago “Pitbull” Alves também participa do card principal do evento sediado na Inglaterra. Thiago terá um adversário duro pela frente, o congolês naturalizado sueco Papy “Makambo” Abedi, ainda invicto e que fará sua estreia no UFC. Abedi é faixa preta em Judô e uma das promessas da categoria meio-médio. Apesar do bom retrospecto de Abedi, Thiago Alves também apresenta bons números em seu histórico nos eventos de MMA desde 2005. Das 17 lutas que já participou, venceu 12, sendo dez por nocaute. Porém, vem de uma derrota por pontos contra Rick Story e venceu apenas uma das últimas quatro lutas no UFC.

 

UFC 138

Birmingham, Inglaterra

5 de novembro de 2011

Chris Leben vs Mark Muñoz

Brad Pickett vs Renan Barão

Thiago Alves vs Papy Abedi

Terry Etim vs Edward Faaloloto

Anthony Perosh vs Cyrille Diabate

Card Preliminar

Justin Edwards vs John Maguire

Michihiro Omigawa vs Jason Young

Rob Broughton vs Phil De Fries

Chris Cope vs Che Mills

Chris Cariaso vs Vaughan Lee

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *