A emoção dos irmãos absolutos na Rickson Cup

Share it

[flickr set=72157627977072400]

O fim de semana no Japão foi marcado por muito Jiu-Jitsu e emoções fortes, na copa Rickson Gracie. Nas lutas, até que deu a lógica, com os favoritos passando o carro. Logo após a final do absoluto, porém, foi que a emoção transbordou, como você vê nas fotos de Kinya Hashimoto durante o fechamento dos irmãos Roberto Satoshi e Marcos Souza (Bonsai), que haviam perdido seu pai e mestre, Adilson, em abril, vítima de câncer.

A alegria de vencer foi mais forte que a dor, e os alunos da Bonsai no Japão se superaram. “Entramos com 11 alunos e levamos nove medalhas de ouro, com 16 medalhas no total”, comentou Marcos, que recebeu o pessoal da Atos por lá, onde treinaram juntos. “No absoluto preta, tínhamos fechado da outra vez, e eu dei a vitória para meu irmão por ser seu aniversário. Desta vez ele retribuiu e fiquei com o título, e foi aquela emoção. Ganhei ainda o peso meio-pesado e ele o peso médio”.

Confira os campeões de cada categoria:

Galo: Koji Shibamoto (Tri-Force)

Pluma: João Paulo Kuraoka (Axis)

Pena: Guilherme Mendes e Rafa Mendes (Atos) fecharam

Leve: Bruno Frazatto (Atos)

Médio: Roberto Satoshi (Bonsai)

Meio-pesado: Marcos Souza (Bonsai)

Pesadíssimo: André Galvão

Absoluto: Marcos Souza e Roberto Satoshi fecharam.

 

 

 

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *