Saiba e veja quem mandou bem no BR de Equipes

Share it

Enquanto o bicho pegava na Inglaterra, com as disputas do ADCC, no Brasil times tradicionais lutavam no Brasileiro de Equipes, que terminou neste domingo, no Tijuca Tênis Clube. E a grande campeã, pelo segundo ano consecutivo, foi a Nova União, seguida por GFTeam e Marcio Rodrigues.

Na faixa-preta e marrom, a GFTeam bateu a Alliance no pesado, com o time formado por Ricardo Evangelista, Igor Silva, Alberto Ramos, Robson Lima, Marcus Vinícius, Wancler Oliveira e Manoel Fernandes.

Na mesma graduação, só que no master, a Nova União faturou o ouro tanto no leve quanto no pesado com representantes das antigas, faixas-pretas como André Motta e André Marola. Com mais quatro vitórias nas demais categorias e graduações, a NU foi a melhor do evento.

Confira todos os resultados clicando aqui , e veja toda a ação nas fotos de Gustavo Aragão.

[flickr set=72157627625951023]

Ler matéria completa Read more
There are 8 comments for this article
  1. Vinícius Da Silva Santos at 11:14 pm

    Ontem estive presente no brasileiro de equipes para torcer pela Gfteam, tivemos bons resultados mas poderia ter sido bem melhor se não fosse os erros grotescos da arbitragem, parabéns a Nova União pelo titulo no geral, não quero de forma alguma tirar o mérito de vcs, mas se a arbitragem fosse justa o resultado seria outro.
    Não digo de todos os árbitros, mas teve alguns ali que dava pra vê que agiam de má fé, vejam as duas ultimas lutas do meu mestre Serginho, aquilo foi terrível, erros bobos e de má fé, o ginásio todo vaiou o árbitro, não creio que ele não tenha conseguido visualizar a pontuação pois todos são preparados para isso e se não está preparados não vá arbitrar, não citarei nomes pois não acho correto.
    Pessoal da coordenação vamos abrir o olho, Alvaro Mansor vamos ver o que está acontecendo, pois a arbitragem ontem foi vergonhosa…

  2. Atleta Jiu Jitsu at 7:40 pm

    Vinicius, erros de arbitragem aconteceram em muitas lutas, não apenas com atletas da GFT, o pior árbitro do campeonato ao meu ponto de vista foi o Mauber, muito despreparado e errou em muitas lutas… Vinicius não temos como saber se os erros foram de má fé ou foram simplesmente erros, muitas vezes por não conhecer bem as regras, pensamos que o juiz errou, você como faixa amarela provavelmente só sabe o básico, queda vale 2 , passagem 3, costas e montada 4… Procure entender melhor as regras e falar menos o que você não sabe e nem tem como saber.

    • Vinícius Da Silva Santos at 9:33 pm

      Atleta de jiu-jitsu, eu sou faixa verde e já treino a 5 anos sou bi campeão estadual de e vice campeão brasileiro, procure saber antes de falar vc, mas continuando, é impossível aqueles erros não serem de má fé, e mesmo se não fosse (que eu acho muito difícil) isso não pode acontecer, deve se haver uma reciclagem entre os árbitros, para que isso não aconteça, o pior é que eles podem voltar atrás mas ninguém que dar o braço a torcer, isso é ridículo, a pessoa treina pakas pra chegar na hora da luta o juiz rouba-la, eu não concordo de forma alguma, pense antes de falar por favor…

    • Mauber Camargo at 10:14 pm

      Prezado companheiro aqui denominado “Atleta de Jiu Jitsu”:

      Obrigado pelo seu comentário. Toda crítica, por mais horripilante que seja, é sempre construtiva.

      Se você me achou “o pior árbitro do evento” isso é um direito que lhe assiste, como também recebi inúmeros elogios por ter acertado inúmeros movimentos difíceis que ocorreram neste dia de evento.

      Continuarei me capacitando para corrigir possíveis erros!

      Contudo, com o maior prazer do mundo, lhe convido para fazer parte do nosso grupo de arbitragem para trocarmos experiências, será uma honra recebê-lo. A partir disso, verás o quão difícil é estar ali trabalhando…

      Dica: Não se envergonhe ao fazer críticas, pois elas sempre são bem aceitas por nós, árbitros. Não há motivos para ocultar a sua identidade, mostre-se.

      Estou à disposição para demais esclarecimentos no facebook

      Abs.

      Mauber Camargo

  3. xyz at 12:53 am

    A questao arbitragem só ira ser corrigida qndo juiz formados de fora do esporte começarem a arbitrar pq muitas vezes tem coisas de equipes envolvidas por tras por exemplo teve juizes que arbitraram e lutaram como fica o julgamento dos outros juizes colegas de trabalho ?

  4. Juniormadruga at 1:07 pm

    em relação á erro de arbitragem, o problema maior é a arogância de alguns árbitros, por isso que acabam colocando em dúvida a sua honestidade, errar é normal, todos os esportes em que cabe “interpretação do árbitro” passam por isso, mas o pior é o árbitro fazer “cara de sabe tudo” para justificar seu erro, depois ele dá as costas em nem te dá ideia, como se fosse “o dono da razão”, realmente vi coisas absurdas na arbitragem, inclusive decisões tomadas por “diferenças pessoas”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *