Globo já sonha com UFC como na era Tyson; Rede TV! arma defesa

Share it

A comemoração com Dana White após o UFC Rio 134, sábado. Foto: Gustavo Aragão.

O número 14 parece perseguir Anderson Silva. Com a vitória sobre Okami no sábado, ele chegou a 14 vitórias consecutivas no UFC. Foi no dia 14 de outubro, em 2006, que ele conquistou o cinturão que não perdeu mais. E, no UFC Rio, sua luta levou a Rede TV! a ficar à frente da toda poderosa Globo no Ibope por valiosos 14 minutos, com a maior média de audiência da história da emissora paulista. Numerologia ou acaso, a Globo já calça as luvas para que este último 14 não se repita.

Como publicou hoje o jornalista Daniel Castro, do R7, a Globo enfim farejou os lucros com o UFC e deve investir pesado para tirar o evento de Dana White da concorrente. A emissora paulista começou a preparar sua defesa. Seu presidente, Amilcare Dallevo Júnior., jantou com Dana White, confirmou que tem prioridade de renovação no contrato, que vence em dezembro, mas as investidas da Globo prometem ser fortes.

“A Globo já estuda a possibilidade de transmitir o UFC desde o ano passado, quando se confirmou a realização de uma edição no Brasil. Setores da emissora defendem a exibição de videotapes de lutas do UFC no programa Corujão do Esporte, exibido nas madrugadas de sábado para domingo”, informou Castro.

A ideia da Globo é pegar carona na promessa do UFC de organizar ao menos quatro eventos no Brasil, dois no primeiro semestre e dois no segundo. Pelo menos dois deles devem ser no formato UFN, com lutadores aspirantes ao show principal.

“A realização de quatro rodadas de UFC no país encarece os direitos de exibição do evento, o que favorece a Globo. Uma parceria com a Globo, por outro lado, daria maior visibilidade ao UFC, o que interessa aos organizadores das lutas”, argumenta o jornalista.

A exibição apenas das lutas finais do Ultimate faz lembrar o fim da década de 1980, quando a Globo apostou seu cacife num lutador surpreendente que agitava a audiência nas madrugadas, muitas vezes com Galvão Bueno e tudo na transmissão. Era Mike Tyson, o maior peso pesado do boxe à época.

 

Ler matéria completa Read more
There are 12 comments for this article
  1. R.C at 6:21 pm

    Lembro de já ter lido que a globo não queria o ufc, pois ia contra a filosofia da emissora, já que o evento era algo “violento”.Agora que já virou “papinha” e o lucro é certo, a filosofia muda.Torço para que o evento fique na rede tv! que botaram o mma na tevê aberta quando ninguém quis se arriscar.E a Globo que fique com suas novelas e seus estímulos a “certos comportamentos”.

    • Meuris junior at 5:01 pm

      R.C.
      Eu entendi tudo que tu disse!

      E concordo em Numero, Gênero e Grau.

      Inclusive com seu comentário sobre, os estímulos a “Certos Comportamentos”
      è isso Ai, Um Forte Abraço!!!

  2. Anônimo at 6:50 pm

    E já imaginaram o Luis Roberto narrando? “Olha que soco maravilhoso, que chute bonito amigos…” Ou o Marsiglia comentando com o replay? “Bem, é, para mim, vamos ver… É, foi chave de braço mesmo, golpe válido”.

  3. Diogo Domingues at 9:34 pm

    Quando o lucro ainda não é certo, a RedeTV! apostou no ufc e se deu bem, vendo isso a globo já mudou todo o seu ponto de vista. Tomara que a RedeTV continue trasmitindo o evento e a globo continue com a sua cultura pobre de novelas de quinta categoria!! É lamentável como a ambição muda de tal forma o comportamento humano!!

  4. Luciano Pereira Padilha at 11:50 am

    É muito fácil comer o bolo depois de pronto, difícil é fazer ou se dispor a ajudar a fazer. Infelizmente é uma quetão de valores no bolso. Se o ufc levar em conta que a única emissora que apostou neles e os ajudou a divulgar o esporte no país, a redetv está ganha. Mas é uma quetão de valores. Sinceramente nunca gostei das programações da globo, são programações supérfluas, com excessão do jornalismo, porque até a programação cultural é somente para mostrar o que é dela. Vai aqui uma ideia podemos fazer uma campanha ajudar a redetv. Que a globo fique com suas novelas já que são mais importante do que até mesmo o futebol…

  5. Victor Silverio at 9:52 pm

    É eu tambem acho muita sacanagem a Globo ja chegar agora quando o lucro é certo, mas é certo também que com a Globo a divulgação do nosso esporte seria muito maior, ajudando atletas serem patrocinados por grandes empresas como a Coca Cola, Microsoft, e nao só por pequenas empresas. A visibilidade seria então algo indiscutivel .

  6. jandirobajiu-jitsu at 1:36 pm

    A Rede Globo de Porcaria de Televisão só gosta mesmo de destruir as Famílias Brasileiras, mostrando suas novelas pornográficas e homosexuais, tomara que a Rede TV CONTINUE C/ O UFC, deixem a globo promovendo os homosexualismo, e perdendo audiência.

  7. MCM at 12:52 pm

    O Jiu-Jitsu foi criado para que o mais fraco possa ganhar do mais forte…
    O mínimo de força com o máximo de eficiência.
    A REDETV vai botar a GLOBO para dormir!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *