“Desejo passa, sonho é uma jornada incansável. Lutem pelos seus sonhos”

Share it

Foto: Wander Roberto/UFC.

A poucos dias do UFC Rio, atletas brasileiros participaram na tarde desta terça-feira, dia 23, da ação UFC na Comunidade, na Academia Nobre Arte, na comunidade do Cantagalo. Minotauro, seu irmão Minotouro, Júnior Cigano e Vitor Belfort fizeram uma visita especial a 60 jovens presentes, entre 6 e 12 anos, e procuraram orientá-los a seguir o caminho do esporte em suas vidas.

Recebidos como ídolos, os lutadores do UFC passaram valores como disciplina, dignidade e vontade de vencer. Caminhando pelas ruas da comunidade, foram cumprimentados diversas vezes pelos moradores com inúmeras pausas para fotos.

Vitor Belfort, que treinou boxe na Academia Nobre Arte, deixou sua mensagem aos jovens. “Há 20 anos cheguei aqui nesta academia com o sonho de ser reconhecido, principalmente no meu país, e consegui ir mais longe. Sonho é uma jornada incansável, desejo vem e passa. Lutem pelos seus sonhos. O esporte é uma das chaves para a vida, precisamos também vencer a luta do cotidiano com dignidade, educação e respeito”, aconselhou o lutador.

Comandada por Cláudio Coelho, um dos maiores treinadores de boxe do Brasil, a Academia Nobre Arte ensina boxe para moradores, de todas as faixas etárias, nas comunidades do Cantagalo e Pavão-Pavãozinho, há 21 anos. Já passaram por lá diversos lutadores de MMA, como Royce Gracie e Vitor Belfort. A ONG, em 1996, criou o projeto Meninos do Boxe, acrescentando, por meio do esporte, um complemento educacional para crianças e adolescentes, com o objetivo de formar antes de tudo cidadãos. “Há 21 anos surgiu a ideia deste projeto que visa a integração favela e asfalto, ocupar o tempo desses jovens, numa idade crítica, com uma atividade saudável e educativa, aproveitando para monitorar a atividade escolar deles”, explicou.

Sentadas no ringue da academia, as crianças aguardavam o discurso dos campeões para poderem tietá-los. Minotauro, que lutará sábado no UFC Rio contra o americano Brendan Schaub, ficou feliz por ter participado da ação. “É um prazer ver o sucesso desta academia e o ambiente de disciplina e respeito que é propiciado às crianças. Um incentivo não só ao esporte, mas à educação também”.

Minotouro, Belfort, Minotauro e Cigano com a garotada do morro.

Para Júnior Cigano “quem é envolvido com a luta conhece a história de Cláudio Coelho, sobretudo, com as crianças”. O lutador peso pesado falou um pouco sobre sua própria história de vida. “Também não foi fácil para mim, meu sonho era ser parecido com o Minotauro, com o Wanderlei Silva, caras que me inspiravam. Tenho que continuar acreditando e trabalhando. Acreditem sempre em si mesmos”, falou.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *