Hendo bate Fedor e segue como rei entre os veteranos

Share it

Henderson contra Fedor. Fotos: Esther Lin.

O sábado foi dia de Strikeforce em Chicago, e não faltou ação e emoção, mesmo na rápida luta entre Dan Henderson e Fedor Emelianenko.

O esperado combate entre o campeão de meio-pesados Henderson e Fedor durou pouco. Os dois veteranos e mitos do Pride mandaram ver na trocação, até que o russo aplicou um upper, que fez o americano descer. No chão, Fedor tentou trabalhar no ground and pound, mas não teve tempo, Hendo esperneou e saiu para as costas, prova de que os treinos de Jiu-Jitsu com o brasileiro Ricardo Pantcho fizeram efeito.

Em posição superior, Hendo encaixou dois socos que fizeram o ex-invencível beijar o solo. Vendo o campeão de Sambô na lona, o arbitro Herb Dean tratou de encerrar o duelo aos 4min12s, quando Fedor parecia ter acordado no nocaute.

“Não quero reclamar, mas acho que, sim, a luta foi parada um pouco cedo”, reclamou Fedor nas grades do Strikeforce, após amargurar o terceiro revés.

No combate válido pelo título feminino dos meio-médios, a desafiante Miesha Tate finalizou a campeã Marloes Coenen com um katagatame, no quarto giro, e roubou o cinturão.

Em outras lutas aguardadas, Tim Kennedy venceu Robbie Lawler e Tyron Woodley bateu Paul Daley, ambas por decisão unânime.

Já os brasileiros ficaram no 50%, com Gesias Cavalcante vencendo Bobby Green por decisão dividida, depois de finalizar no segundo round e o arbitro não ver, e Eduardo Pamplona, nocauteado de forma rápida contra Tyler Stinson.

(colaborou Junior Samurai)

Confira todos os resultados:

Strikeforce
Illinois, Estados Unidos
30 de julho de 2011

Dan Henderson nocauteou Fedor Emelianenko no 1R
Miesha Tate finalizou Marloes Coenen com um katagatame no 4R
Tim Kennedy venceu Robbie Lawler por decisão unânime
Tyron Woodley venceu Paul Daley por decisão unânime
Tarec Saffiedine venceu Scott Smith por decisão unânime
Gesias Cavalcante venceu Bobby Green por decisão dividida Tyler Stinson nocauteou Eduardo Pamplona no 1R
Alexis Davis venceu Julie Kedzie na decisão unânime
Derek Brunson finalizou Lumumba Sayers com um mata-leão no 1R
Gabriel Salinas-Jones finalizou Bryan Humes com um triângulo de mão no 3R

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *