Galvão vence geral e fatura 11 mil dólares em Nova York

Share it

André na batalha contra carcará no ADCC. Foto: John Lamonica.

André Galvão segue em grande fase no Jiu-Jitsu sem kimono. Nesse sábado, em Nova York, o faixa-preta venceu quem passou pela frente para faturar a premiação em dinheiro no NYC Ultimate Absolute.

“Fiz quatro lutas e venci todas, estou feliz demais”, comemorou André, em declaração ao GRACIEMAG.com.

Pelo caminho, o representante da Atos precisou superar feras como Antonio Braga Neto e Vinicius Pezão, além do adversário da final, Rustam Chsiev, russo radicado nos EUA que promete dar trabalho no ADCC 2011.

“Finalizei a primeira luta, contra o Nolan Dutcher, e depois consegui vencer o Braga Neto com uma raspagem apenas na prorrogação. Já contra o Vinicius Pezão, consegui pegar as costas”, conta.

“Na final, o meu oponente segurava muito. Precisamos lutar 25 minutos, e não houve pontos. Mas fiz vários ataques, omoplatas, joelho, pescoço, pé… Isso acabou rendendo os 10 mil dólares de prêmio para mim, e mais mil pela finalização na primeira luta”, completa.

Agora Galvão segue concentrado em vencer o ADCC 2011.

“Estou apenas pensando nisso. O Davi Ramos e o Bruno Frazatto estão aqui me ajudando e o Gilbert Durinho também deve aparecer. Não deixei o MMA de lado. Tentei participar do TUF e tinha até uma luta para agosto, mas não rolou. Com a compra do Strikeforce pela Zuffa, fico mais próximo do UFC, mas estou agora focado apenas no ADCC”, encerra.

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article
  1. Rodrigo Lourenço at 6:17 pm

    Esse André é um puta lutador… Tive a oportunidade de presenciar um de seus seminarios acompanhado do Cobrinha em uma faculdade em SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *