Werdum veste o kimono na pesagem e provoca Overeem

Share it

Hoje é noite de Overeem contra Werdum no Strikeforce. Foto: Josh Hedges/Zuffa.

Estrelas de um card recheado de faixas-pretas de Jiu-Jitsu, Fabricio Werdum e Alistair Overeem fazem nesta noite o tira-teima do semestre entre pesos pesados, em Dallas.

Werdum, que venceu Overeem no Pride, provocou o holandês dizendo que vai fazer de novo. “A tática é botar para baixo e finalizar, mas quero quebrar a cara dele de novo”, disse o gaúcho.

Já o atual campeão do Strikeforce, que já finalizou até Vitor Belfort e sabe tudo de guilhotina, quer mostrar que é um lutador muito maior, em todos os sentidos.

Nesse clima, a segunda rodada de lutas do Grand Prix de pesos pesados do Strikeforce promete pegar fogo, já sob nova direção da produtora Zuffa, proprietária do UFC que adquiriu recentemente seu ex-concorrente.

Vindo da linda vitória sobre Fedor Emelianenko, em junho de 2010, Werdum tenta derrubar o segundo grande desafio de sua carreira no Strikeforce. Se vencer o atual campeão, o ex-atleta do UFC vai à semifinal do torneio, onde enfrentaria o paraibano Antônio “Pezão” Silva, que também venceu o russo na primeira rodada.

A outra luta do GP deste sábado será contra o finalizador Josh Barnett contra o boxeador Brett Rogers. O vencedor pega o mão de pedra Sergei Kharitonov, que nocauteou Andrei Arlovski em fevereiro. O card preliminar começa às 21h de Brasília. Não há transmissão prevista na TV brasileira.

Outra luta empolgante para o torcedor brasileiro é entre Gesias “JZ” Cavalcante e Justin Wilcox.

Strikeforce – Overeem vs Werdum
Dallas, Texas
18 de junho de 2011

Quartas de final do GP de pesados

Alistair Overeem x Fabricio Werdum

Josh Barnett x Brett Rogers

Card principal

Valentijn Overeem x Chad Griggs

Daniel Cormier x Jeff Monson

Jorge Masvidal x KJ Noons

Card preliminar

Brian Melancon x Isaac Vallie-Flagg

Nah-Shon Burrell x Joe Ray

Magno Almeida x Conor Heun

Mike Bronzoulis x Todd Moore

JZ Cavalcante x Justin Wilcox

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *