Na terra do UFC 129 – VI

Share it

Finalizado: Justin se casou com Deanna dentro do Octagon do Rogers Centre, com a benção de uma juíza, e de Dana White. Foto: Marcelo Dunlop.

O Jiu-Jitsu vai definir de fato o UFC 129? Quantas finalizações o show de hoje, em Toronto, vai oferecer aos fãs?

O recente UFC 118, com Randy Couture e o boxeador James Toney, bateu cinco finalizações. O mais recente UFC 128, de Jones x Shogun, bateu zero. Nenhuminha. Como será o cardápio desta noite para o fã de Jiu-Jitsu?

Acredito que só José Aldo é capaz de finalizar no card principal. Nas preliminares, Nate Diaz e Daniel Roberts são outros bons candidatos. Vamos ver. E, claro, nada disso impede de vermos lutas sensacionais no chão, mesmo que não haja um golpe perfeito.

Seja como for, o Jiu-Jitsu já começou dando as cartas. E não estamos falando da quinta-feira, quando GSP começou seu treino aberto com demonstrações de defesa pessoal mais próprias do karatê.

Na sexta-feira tivemos os quatro primeiros “finalizados” da semana do UFC 129. Vamos a eles:

1ª vitima: Justin Peacock

Às nove da manhã de sexta-feira, o Octagon do Rogers Centre recebeu 16 convidados, uma juíza de paz e dois malucos: Justin Peacock e Deanna Peacock tinham o sonho de se casarem no palco principal do UFC. Justin, executivo de uma empresa que tem negócios com o evento, pediu pessoalmente a Dana White, que autorizou a loucura. Na manhã de sexta, os dois disseram “sim”, e Justin foi o primeiro finalizado do UFC 129, com uma chave de dedo. Deanna, que o pegou de jeito, foi a autora do feito.

2ª vitima: Andrew McInnes

Com apresentação especial de Bruce Buffer, o astro Diego Sanchez entrou todo de branco para a primeira luta de um torneio de quatro lutadores. O oponente era o esguio canadense Andrew McInnes, um abusado praticante de Jiu-Jitsu que já fez luta boa outro dia com Marcus Bochecha. Andrew não quis saber, começou raspando e esgueirando-se para as costas do lutador do UFC. Diego fez o diabo para virar a luta e domar a guardinha invocada do jovem local, mas o resultado seguia firme no placar. Faltando 30 segundos, a estrela acabou com a brincadeira do novato: catou o tornozelo de Andrew e arrochou uma chave que estalou o joelho dele todo. Diego está na final do Grapplers Quest da UFC Fan Expo, logo mais, 13h30 da tarde horário local, 14h30 no Brasil.

3ª vítima: Jorge Britto

Mesmo dando aulas para quase 40 alunos por dia em Toronto, nosso GMA Jorge Britto não dispensa uma boa luta. “Entro para me divertir, sem pressão”, costuma dizer. Foi o que fez no Grapplers Quest da UFC Fan Expo, contra o embalado Ryan Hall, atleta da academia 50-50 que vem brilhando com e sem kimono. Jorge jogou o tempo todo por cima, tentando decifrar a guardinha chata de Ryan. No meio da luta, Hall pôs Jorge na guarda 50-50 e atacou com uma chave de tornozelo fulminante, para chateação da grande torcida de Britto na feira – com seu mestre Royler Gracie na área, inclusive. Ryan Hall e Diego Sanchez vão fazer um lutão logo mais, portanto.

4ª vítima: Chuck Liddell

Eram umas 17h em Toronto. O astro aposentado do Ultimate estava na moleza no palco da UFC Fan Expo, quando um pequeno moicano pediu a palavra: “Chuck, sou seu fã! Posso subir ao palco para lutar contigo?”. A plateia delirou e Liddell autorizou, “contanto que você não me machuque, hein”. O atrevido praticante de Jiu-Jitsu atendeu a súplica do ex-campeão dos meio-pesados e foi bem suave. Ou suave até certo ponto: voou no pescoço de Chuck Liddell e aplicou uma justa guilhotina que obrigou o americano a dar os três tapinhas. O apresentador bradou: “E o vencedor é o pequeno fã, por uma guilhotina!”. Ainda com o rosto vermelho e rindo, Liddell seguiu atendendo outros fãs menos cascudos. “Sim, claro, eu gostaria de enfrentar Jon Jones, mas gente, estou aposentado, you know…”, suspirou.

Quem serão os próximos a dar os três tapinhas, à noite?

UFC 129

Rogers Centre, Toronto, Canadá

Sábado, 30 de abril de 2011

Georges St-Pierre x Jake Shields
José Aldo x Mark Hominick
Vladimir Matyushenko x Jason Brilz
Lyoto Machida x Randy Couture
Mark Bocek x Ben Henderson

Card preliminar na Spike TV

Nate Diaz x Rory MacDonald
Sean Pierson x Jake Ellenberger

Card preliminar (um Canadá x EUA informal)

Yves Jabouin x Pablo Garza
Claude Patrick x Daniel Roberts
Ivan Menjivar x Charlie Valencia
Jason MacDonald x Ryan Jensen
John Makdessi x Kyle Watson

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *