Brasil fatura títulos mundiais na Tailândia

Share it

Foto: CBMT.

Segundo informa a Confederação Brasileira de Muay Thai, o Brasil encerrou a participação no mundial na Tailândia de forma brilhante.

No ano passado a equipe conquistou quatro vice-campeonatos n evento da World Muay Thai Federation. Desta vez conquistou o título mundial na categoria júnior, com o atleta Antonio Gabriel, e na categoria pro-amador o cinturão mundial, com Fernando Nonato.

Outros bons resultados foram as segundas colocações na categoria amador com Bruno Kobi e Wagner Davi e, para finalizar, mais um vice-campeonato mundial na categoria pro-amador feminino, com a atleta Adenilsa Scheneider.

“Parabenizo todos os atletas que representaram muito bem o Brasil, independente de vencer ou não, mostrando a força do muay thai brasileiro”, declara o dirigente da CBMT Artur Mariano.

Ler matéria completa Read more
There are 3 comments for this article
  1. Lourival Roveri at 9:30 am

    Olá Carlos, eu gostaria de receber uma resposta sua quanto ao Muay Thai, é que meu filho, de 20 anos, pretende ir ainda este ano para a Tailandia para aperfeiçoar o Muay Thai, ele pratica aqui em maringá. Dai a minha pergunta:
    É preciso ir para tão longe para aperfeiçar esta arte? aqui no Brasil não tem academias de primeira categoria que poderia ajuda-lo?
    Em curitiba tem academia de primeira linha?
    O que você acha de ele ir para a Tailandia? Aquele Pais não está passando por momentos dificeis, será que não é perigoso ir no presente momento?
    E se ele for mesmo, lá tem brasileiros que possam ajuda-lo?
    Dê a sua opinião, eu vou te agradecer de coração, pois estou preocupado com meu filho.
    Obrigado

    aguardo sua resposta.

    • Carlos Eduardo Ozório at 1:35 pm

      Lourival, treinar muay thai na Tailândia é o mesmo que acontece quando milhares de estrangeiros vêm ao Brasil para aperfeiçoar o Jiu-Jitsu. Aqui existem escolas boas de muay thai, não tenha dúvida, mas lá ocorre um treinamento diferenciado. Diversos cascas-grossa da trocação, brasileiros, têm essa experiência. Outro país procurado é a Holanda.

      Sim, há brasileiros por lá e os camps são acostumados a receber lutadores brasileiros e de todo o mundo. Sobre a segurança, isso é muito relativo. Conheço muitos brasileiros que já foram lá várias vezes e não tiveram problema quanto a isso. No entanto, nada é 100% garantido, seja no Brasil, Tailândia, Estados Unidos ou qualquer país, concorda? Grande abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *