Da busca por um chão macio ao estrelato no UFC

Share it

Aldo com o cinturão, em foto publicada na revista "Trip".

O campeão do UFC José Aldo Júnior foi o personagem da última edição da conceituada revista “Trip”, e a reportagem já está no site da publicação.

Além de fotos interessantes, a reportagem (de Caio Ferretti) relembra o início do astro da categoria peso-pena no Jiu-Jitsu, na periferia de Manaus, no Amazonas.

“(…) Aos 14 anos, ele gostava de treinar saltos de capoeira na rua em que vivia, na periferia de Manaus. E, assim, despertava a atenção de algumas pessoas. ‘Tinha um cara que sempre pedia pra eu fazer uns movimentos, uns saltos. Um dia ele me disse que era professor de Jiu-Jitsu e me convidou para conhecer sua academia.’ Júnior aceitou o convite, mas por um motivo bem peculiar. (…)”

“‘Eu estava acostumado a treinar o lance da capoeira no asfalto duro, e na academia tinha o chão macio. Era bem melhor pra fazer os saltos.’ Atraído inicialmente pelo simples conforto do tatame, ele começou a se interessar mais pelo Jiu-Jitsu com o passar do tempo. E abandonou de vez a capoeira quando ganhou um quimono”.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *