Marcão parte para o “tudo ou tudo”

Share it

Marcão durante um treino, em foto de Régis Rodrigues.

Marcos “Santa Cruz” Oliveira é o padrão do lutador casca-grossa brasileiro. Não foi requinte técnico que o diferenciou dos demais, foi a obstinação.

Obstinação esta que fazia Marcão ir, de ônibus, de Santa Cruz, interior do Estado do Rio de Janeiro, para treinar a capital todos os dias. Passava cinco horas diariamente enfrentando o trajeto que ligava sua casa ao tatame. Saía as 7 da manhã, voltava as 11 da noite.

Foi a obstinação de Marcos que o fez enfrentar o rigoroso inverno de Seattle ou morar na isolada Ilha de Guam para tentar a vida nos EUA, deixando-o longe da família e amigos.

Com esta mesma obstinação ele seguiu firme nos seus treinamentos mesmo tendo que enfrentar a morte repentina da pequena sobrinha, mesmo tendo que treinar diurnamente no pátio da escola durante os intervalos de suas aulas em Abu Dhabi. Marcos respirava determinação.

É com esta mesma e enorme vontade de vencer, que só poderia caber no coração de uma pessoa como ele, que Marcão vai, como ele diz, “pro tudo ou tudo” na final do ADFC, nesta sexta-feira em Abu Dhabi.

Ademais, “Santa Cruz” sabe que vão estar com os olhos grudados na televisão cerca de seus 300 pequenos alunos, a maioria filhos de imigrantes oriundos do Sudão e do Iêmen e que o melhor exemplo que ele poderia dar é esse, de ser um grande campeão – antes mesmo da luta começar.

The ADFC Round 3

Sexta-feira, 11 de março de 2011

Abu Dhabi, Emirados Árabes

GP: Marcos Oliveira x Shamil Abdurahimov

Bob Sapp x Stav Economou
Nayeb Hezam x Shane Omer
Eduard Folayang x Lee Weiczorek
Titana Van Polanen x Outi Louhimo
Simeon Thorensen x Seydina Seck
Beslan Isaev x Valentino Petrescu
Aymen Ben Ali x Abbas Zahiri

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *