Pronto para o Pan, Victor Estima comenta os treinos com Dan Hardy

Share it

Victor após luta à vera com o amigo Rominho Barral, no Mundial 2009. Foto: Ivan Trindade.

No aerporto de Los Angeles, já começam a circular os primeiros cascas-grossas chegando para o 17º Pan de Jiu-Jitsu, no fim de março.

Um dos primeiros deles foi o professor chefe da Gracie Barra Midlands, Victor Estima, o Carcarazinho, que chegou da Inglaterra esta semana. Dono de um dos jogos mais bonitos do Jiu-Jitsu atual, o lutador meio-pesado vai aproveitar para realizar alguns seminários (interessados podem aparecer na GB Arcadia no domingo, dia 6).

O GRACIEMAG.com bateu um papo com Victor sobre o Jiu-Jitsu na Inglaterra e os treinos com uma das maiores figuraças do UFC, o meio-médio Dan Hardy, que está afiando seu jogo de solo com o irmão de Bráulio. Confira:

Como começou esta parceria com Dan Hardy, um trocador da pesada? Como você avalia o Jiu-Jitsu dele?

Moro na mesma cidade do Dan, e o time dele me fez um convite para treinar com eles. Logo na primeiro treino a gente começou a marcar treinos particulares, para ele e mais dois lutadores do UFC, o André Winner e o Ross Pearson. Hoje já somos bons amigos e ele é um cara muito determinado. Dan desenvolveu muito o seu Jiu-Jitsu nos últimos meses, e acredito que ele ainda vai surpreender no chão.

Quais seus planos para o MMA?

Meus planos na verdade são de competir o máximo que eu puder de kimono ainda, estou em busca do título mundial e quero ser campeão do ADCC este ano, na Inglaterra em setembro. Logo depois disso pretendo começar a focar no MMA. Com os treinos que estou fazendo com esses caras, tenho certeza de que vou estar bem confortável em pé quando começar no MMA.

Como você avalia o Jiu-Jitsu na Inglaterra? Para você, quem são os melhores representantes da arte no país?

Temos vários bons lutadores aqui, mas os de maior destaque são dois faixas-marrons, ao meu ver: Norbit Nowak e Luke Costelo. O Luke foi campeão europeu, ganhou inclusive do filho adotivo do xeque Tahnoon na final do peso.

E a GB Pernambuco? Que pupilos de Zé Radiola devem brilhar em 2011?

Lá tem muita gente dura. Bruno Alves é um, e já está mandando bem nos campeonatos desse ano. Tem o William Martins, que acabou de pegar a faixa-preta mas ganhou tudo na marrom ano passado. E como sempre o Lucas Rocha.

Como estão os preparativos para o British Open, dias 2 e 3 de abril?

Tudo certo, estamos esperando mil atletas para os dois dias de competição, em abril. Será o terceiro ano do torneio, e já é a segunda maior competição da Europa, atrás apenas do Europeu de Jiu-Jisu.

A fera do UFC com Victor. Foto: Arquivo Pessoal.

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *