Chegou o dia! Soldado Belfort enfrenta “vovó sabida” em luta pessoal

Share it

Vitor no treino aberto no cassino Mandalay Bay. Foto: Divulgação UFC.

Eles já foram parceiros de treino, já foram da mesma equipe, tinham os mesmos sparrings.

Agora, é cada um no seu canto.

Anderson Silva, o campeão dos médios, encara Vitor Belfort logo mais numa batalha que pode ser tudo, menos estritamente profissional.

E você confere tudo em detalhes pelo www.twitter.com/graciemag_br .

A saída de Vitor da equipe Black House, em 2008, foi tumultuada, com alguns membros seguindo Belfort. Some a isso o fato de que Anderson não costuma digerir muito bem ex-colegas que ousam cruzar seu caminho, e o caldo engrossa ainda mais.

Se os fãs vão saborear, só saberemos na hora em que o árbitro brasileiro Mario Yamasaki autorizar os superastros a tocarem as luvas, gesto de que o invicto campeão deve declinar.

Pessoal ou não, luta promete. Nos dias que antecederam o UFC 126, os dois atletas, cada um a seu modo, mostraram como veem a luta.

Vitor Belfort recebeu um incentivo extra da esposa, Joana Prado. A ex-Feiticeira escreveu no quadro de casa, para Vitor ler todo dia, um recado longo e inspirador. No fim, dizia: “Quer moleza? Vai para o exército!”. O soldado Vitor entendeu o recado.

Já Anderson respondeu a centenas de entrevistas sobre a peleja, e foi ficando cansado do mesmo papo. Foi quando seu jeito gaiato aflorou. Um repórter brasileiro telefonou certo dia, e o campeão atendeu com voz de velhota e fingiu ser a avó Silva, pedindo que o jornalista a ajudasse a convencer o pobre netinho a abandonar a profissão de lutador – muito perigosa, segundo ela, ou melhor, ele.

Depois, a sério, Anderson emendou: “Não me considero o melhor. Talvez no futuro eu olhe para trás e veja que alcancei algo bom”, disse o Aranha a Leandro Lannes, do Kzuka.com.br, aproveitando para defender a presença do Jiu-Jitsu e outras lutas nos colégios brasileiros.

“Na China e na Coreia, o kung-fu e o taekwondo são ensinados nas escolas. Se você consegue colocar a disciplina na vida da criança, você cria pessoas melhores. Tenho cinco filhos que treinam comigo, eu percebo isso”. Sabe tudo, a “vovó”.

Outra novidade do UFC 126, no Brasil, é que os espectadores do canal Combate vão poder assistir, a partir de 1h da manhã, a transmissão original em inglês pela primeira vez, com o recurso da tecla SAP.

So, are you ready? Porque Anderson Silva e Vitor Belfort estão.

Anderson treina com o filho Kalyl em Vegas. Foto: Divulgação UFC.

UFC 126
Mandalay Bay Center, Las Vegas, Nevada
Sábado, 5 de fevereiro de 2011

Anderson Silva x Vitor Belfort
Forrest Griffin x Rich Franklin
Jon Jones x Ryan Bader
Carlos Eduardo “Tá Danado” x Jake Ellenberger
Miguel Torres x Antonio Banuelos

Card Preliminar
Paul Kelly x Donald Cerrone
Chad Mendes x Michihiro Omigawa
Gabe Ruediger x Paul Taylor
Demetrious Johnson x Norifumi “Kid” Yamamoto
Kyle Kingsbury x Ricardo Romero
Mike Pierce x Kenny Robertson

Ler matéria completa Read more
There are 7 comments for this article
  1. Batista Sousa at 10:51 pm

    Caro Rodrigo, a conta bancaria de um sujeito não corresponde no valor moral do mesmo, é evidente que o Anderson é um mau caráter, isso diante das várias ocorrências já estar claramente comprovado, agora aonde estar o seu valor caro Rodrigo? Em uma conta bancaria (que não é sua) ou na essência da vida?

    Percebo que quem valorisa esse sujeito tem os valores semelhantes, mas acredito que um dia esse Anderson vai cair feio, mas sou realista para não me iludir com a manipulação da mídia no fator Belfort! Apesar de gostar do Vitor, não será ele que ira colocar esse arrogante no seu devido lugar, que é lambendo o chão!

    Esse dia vai chegar, só não vai ser agora!

  2. Rafael at 11:28 pm

    De campeão o Anderson só tem o cinturão msm,pq em atitudes não tem nenhuma,ainda vem com essa de ficar reverenciando seus adversários quando ganha,de humilde vc não tem nada,pra falar a verdade tenho vergonha de vc ser brasileiro.Mas sua hora vai chegar!!!

  3. João Pestana at 11:53 pm

    Sempre torci pro Vitor e até pouco tempo atrás pro Anderson tb, mas o Anderson esta cada dia mais arrogante…. algo subiu na cabeça dele…. hora de baixar a bola…. Bora Vitor…… Torpedo na cara desse babaca.

  4. felipe amorim at 12:16 am

    eu acho que a maioria ainda não entendeu o grande negócio em que se tornou o vale tudo mundial, humildade, respeito pelo adversário…… isso é muito vago, dizer que a,b,c não o tem, é desconhecer todo o jogo de bastidores-o que a maioria esmagadora nem sonha em conhecer-, Anderson faz lembrar Muhammad Ali, talvez até o faça de forma intencional, mas foi exatamente isso-somado à uma técnica em que mais de 100 anos não se viu igual-, que movimenta o business do jogo, isso é apenas um jogo…. quando anos atrás Belfort deu uma declaração à própria gracie, em que ele lutaria até com a mãe dele, gerou uma certa polêmica, mas logo debelada, o que talvez esteja mais em jogo, e que pouco gente atentou para isso, é que de forma inconsciente praticantes de jiu-jitsu torcem para o vítor, e os amantes do esporte torcem para o anderson, que por mais que tenha uma reposição de guarda impecável, não se apresenta como um representante do jiu-jitsu, e esse é o ponto, hoje é conhecido o melhor lutador, e não a melhor luta, porque o sonho de muitos, era ver o vítor dando pisão, cinturando, quedando e socando da montada o anderson, só que isso não vai acontecer, uma luta boa para o anderson seria o shogun, o anderson tem muito elã de luta, pode ser até que de zebra, mas o anderson vence essa luta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *