Quando a própria casa vira academia

Share it

Claudio Ribeiro treina com o filho no Havaí (veja todas as fotos na matéria "Casa-Jitsu").

E os leitores do GRACIEMAG.com continuam participando da matéria “Casa-Jitsu”, praticantes de diversas partes do Brasil e do mundo seguem enviando fotos e histórias dos seus dojôs e treinos caseiros. Para ver e ler todas, acesse a matéria principal clicando aqui.

Claudio Ribeiro é brasileiro, mas vive no Havaí, na ilha Kauai, onde treina com o faixa-preta Bruno Ewald “Longman”. “Mas também treinamos muito aqui em nossas casas. Costumo rolar com o meu filho Rayom no quintal. Achamos bem legal essa matéria do ‘Casa-Jitsu’, pois realmente mostra o hardcore da arte suave! Aloha!”.

Luiz Aguiar, mas conhecido como Murf, é outro que também treina em casa. Graças a isso, a irmã também começou a praticar e ambos tatuaram “Jiu-Jitsu”, tamanha a paixão pelo esporte. “Comecei a treinar em 2001 e foi uma paixão. Fiquei afastado por causa do trabalho, mas sempre coloco o kimono. É um sentimento impossível de ser descrito! A minha irmã descobriu a paixão pelo Jiu-Jitsu também. Ela até conheceu o namorado nos treinos! Sempre buscamos aprender e, com o tatame em casa, não tem horário para isso! Faz um mês que uma prima nossa começou também. A família no Jiu está crescendo!”, conta.

Leandro Abrahão era aluno do Roberto Tozi, em Campinas, e nos finais de semana fazia um rola em casa para apurar as técnicas e interagir com a galera. “Hoje trabalho em São Paulo, sou faixa-marrom do Roberto Godói. Em alguns finais de semana ainda nos encontramos pra fazer um rola na garagem de casa.”

Alexandre Maron também é de São Paulo e treina na Alliance, com Fabio Gurgel. “Aos sábados fazemos um treininho na varanda do meu apartamento com o professor Eduardo Miranda e também com o Antonio Peinado.”

João Vinícius é de Pau dos Ferros, no Rio Grande do Norte. “Sou faixa-azul, aluno de Bruno Ramos, de Natal, professor da Nine Nine aqui. Já treinamos na sala da minha casa, logo após fomos para a casa de um amigo e aluno chamado Clístenes, dando continuidade ao ‘Casa-Jitsu’!”.

Galera de Blumenau também treina em casa (confira todas as fotos na matéria "Casa-Jitsu").

Jean Feijó é da filial da Gracie Floripa em Blumenau, no Sul do Brasil. “Também praticamos o ‘Casa-Jitsu’ aqui no tatame montado na casa do  Marcelo. A galera é viciada em Jiu-Jitsu  e, sempre que possível, nos juntamos pra fazer um treino a mais. O bom de ter tatame em casa é que, quando não tem treino e dá aquela vontade de fazer um rola, a agente aproveita e já vai vendo as posições novas. Inclusive, as da GRACIEMAG!”.

Alunos do Mestre Welton Ribeiro, que e já treinou grandes atletas do cenário atual das artes marciais como Thales Leites, entre outros, também se reúnem para praticar o “Casa-Jitsu”. Na casa do arquiteto Leonardo Cupolillo (Tio Léo), em Niterói (RJ), os rolas acontecem aos sábados e feriados. “O dojô é conhecido pela galera como tatame da Bariri. Os treinos fazem com que possamos tirar dúvidas, além de ser muito divertido”, conta Marcelo Azevedo.

Para conferir a foto de todos esses dojôs e dos que já enviaram anteriormente, clique aqui. Você também pratica o “Casa-Jitsu”? Participe!

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *