Rampage surpreso com a vitória: “Tenho que dar a revanche”

Share it

Foto: Josh Hedges.

Não é de hoje que o julgamento no UFC traz polêmica. Na edição 89 da revista NOCAUTE, o assunto foi amplamente debatido por feras como Mario Yamasaki, árbitro da organização. Na noite deste sábado, o julgamento novamente trouxe polêmica na luta em que Quinton Jackson bateu Lyoto Machida por decisão dividida.

Foram dois rounds muito parelhos, mas Lyoto levou ampla vantagem na última parcial. No entendimento dos jurados, Rampage foi um pouco melhor nas duas primeiras etapas, o que lhe deu vantagem na somatória.

Ao ver seus braços erguidos, Jackson fez cara de surpresa e não escondeu o sentimento nas declarações.   

“Machida acabou comigo, tenho que lhe dar a revanche”, comentou.

“Quinton é um grande campeão. Ele reconheceu a minha vitória, mas vamos para a próxima. Fiz o meu melhor, os árbitros estão aqui para julgar”, respondeu Lyoto.

Para Dana White, presidente da organização, o resultado foi justo. 

Ler matéria completa Read more
There are 9 comments for this article
  1. Rafael at 5:35 pm

    Foi descarado, concordo com a decisão dividida, mas a favor do Lyoto. O terceiro round com certeza foi o diferencial para alguem que ficou com dúvida nos rounds anteriores. Acho que o Dana White quer fazer a fila andar na categoria, por isso negou a revanche. Ele não vai mais entrar em conflito com os juízes do próprio evento.

    • Carlos Eduardo Ozório at 6:53 pm

      Rafael, os árbitros são das comissões atléticas, não têm nada com o UFC. Entretanto, as comissões são as mesmas que comandam o boxe, e isso gera muita polêmica. Estariam árbitros especialistas em boxe preparados para julgar MMA?

  2. Bertolot at 12:11 am

    A questão é que deveria ser criada uma padronização das regras que leve em consideração todos os fundamentos envolvidos no MMA. A luta deve ser analisada em sua totalidade tendo pontuados o domínio na trocação, nas quedas e no Jiu-jítsu bem como o ímpeto e a virilidade na busca dos objetivos do combate, vencendo o atleta que chegar mais próximo realmente de definir o combate ou que tenha imposto a seu adversário um claro domínio nos fundamentos durante os rounds. Os árbitros desta referida comissão de boxe já deixaram claro em outras oportunidades que entendem sim de boxe mas são completamente leigos em MMA. Deveriam estes profissionais serem qualificados nesta questão através de cursos práticos de MMA. Uma outra solução prática é adotar árbitros que sejam especialistas nas modalidades que constituem o pilar do MMA e os credenciá-los na referida comissão ou então ex-lutadores que devidamente preparados e qualificados seriam melhor do que esta trupe que fazem verdadeiras palhaçadas na decisão das lutas.
    Grande abraço a todos, Osss!

    p

  3. little at 12:30 am

    Vi a luta de novo. Os primeiros rounds foram parelhos, mas, na pior das hipóteses o Lyoto ganhou um deles. O terceiro foi massacre… Lyoto roubado e o pior é q os gringos pensam q o rampage realmente venceu.

  4. Marcelo at 12:46 pm

    Isso serve para o Lyoto parar de correr para trás e para os lados. Ele que vá em direção ao oponente, pois teria todas as condições de trocar legal com o Rampage. Roubado ele foi, mas tinha como evitar tudo isso. O que os mestres falam nas academias quando a arbitragem é viciada? Para finalizar. No caso do Lyoto, dava para terminar por céu ou terra.

    • Marcelo Dunlop at 2:11 pm

      Ficou esquisito, mas regras são regras. Como eles julgam round a round, não é tão polêmico dar os dois primeiros para o Rampage. Mas Lyoto não sai nem um pouco enfraquecido dessa derrota, acredito.

  5. Ruy Menezes at 11:01 pm

    Acho que o Lyoto tem que rever seus treinos, nâo lutou nada, andou pra tras o tempo todo.
    Seu corner é muito ruim, falar para o Atleta manter e segurar a luta, só se tiver ganhando com muita diferença e mesmo assim se faltar dois, tres minutos para acabar.
    Nâo sei porque estâo reclamando, voces ja conhecem o UFC, eles fazem isso e se depender da arbitragem ta ferrado.
    Tem que ir pra ganhar, o Lyoto tinha todas as condiçoes de ganhar os tres Rounds, mas fica nesse jogo de andar pra trss e esperar o Adversario.
    Tem que mudar e jogar mais pra frente, se nâo nunca mais pega o cinturâo de novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *