Familiarizado com a faixa-preta, Bochecha traça objetivos para 2011

Share it

Bochecha em foto de K Jewel (divulgação).

Depois de vencer na faixa-marrom o peso e absoluto do Mundial de Jiu-Jitsu, Marcus Almeida, o Bochecha, fez valer as expectativas e foi bem na faixa-preta. O primeiro grande resultado em mundiais veio sem kimono, neste mês. Bochecha fechou a categoria superpesado com João Assis e o absoluto com Cyborg Abreu. Em conversa com o GRACIEMAG.com, o a fera de Santos, no litoral de São Paulo, analisa a temporada e as perspectivas para 2011. Antes, se mostra atento ao UFC 123, que acontece neste sábado: 

“Gostaria de desejar sorte para nosso grande irmão Edson Jr, que estreia no UFC. Ele vai arrebentar!”.

Como analisa o seu primeiro ano de competições na faixa-preta?

Foi o melhor ano da minha vida em todos os sentidos. Tanto no lado profissional como no pessoal, as coisas todas se encaminharam para melhor e com o que gosto de fazer: lutar, treinar e ensinar. Fui bem em todas as competições, tendo vencido peso e absoluto. Mas deu para perceber o peso da nova faixa, sempre contra adversários mais experientes. A cada competição sinto que aprendo mais.  

Bochecha e Pablo Popovitch comemoram no Pan Sem Kimono. Foto: Alberto Vasari

Qual o principal foco no próximo ano? 

Em 2011 já começaremos com tudo. O Cavaca e o Raphael Chaves farão um tour pela Europa. Por isso, começaremos a treinar forte desde janeiro, mas o nosso principal foco é o Pan, o World Pro e, com certeza, o Mundial. 
 
O que precisa fazer para vencer no Mundial? 

Acho que em qualquer competição o segredo não é apenas treinar, mas saber treinar. Por isso não vamos ter descanso até lá. Estou muito ansioso para ver como me sairei. Garanto que vou dar o meu melhor e lutar para vencer.

Ganhar o absoluto do Mundial em 2011 já é um sonho possível? 

Isso sem dúvida é o sonho de todo lutador de Jiu-Jitsu, e o meu também. Sei que até lá enfrentarei muitas pedreiras, mas sempre lutarei em busca desse sonho e objetivo.  

Luta ainda em 2010?

Depois do Mundial Sem Kimono o plano era descansar, mas vou ao Brasil para lutar o World League. Então estou sem descanso. Estamos treinando forte eu, Thiago “Baiano” e Chaves “Cabeçudinho”. Eles vão dar o que falar junto com o mestrão Cavaca, que também teve um ótimo ano e vai chegar com tudo em 20011.
 
Gostaria de agradecer à família Amory, aos meus patrocinadores e a toda rapaziada de Santos. Sem esquecer de agradecer, claro, ao GRACIEMAG.COM!

Ler matéria completa Read more
There are 7 comments for this article
  1. CARLOS CAVACA at 4:03 pm

    BUCHECHA,CAMPEAO parabens que DEUS te ilumine sempre , voce e um ser pronto para ser um grande campeao, tem carater ,tem educaçao ,honesto.
    e so esperar para colher grandes frutos na sua profissao
    UM GRANDE ABRAÇO de quem torce muito por voce

  2. Hillary at 10:43 pm

    Parabéns moleque, você merece tudo que vai vim na sua frente. Sabe que todos nós estamos na torcida pra você sempre. Tenho muito, muito orgulho de você, continua sendo essa pessoa bobo, humilde, e guerreiro. 🙂

    Abraços
    Hillary

  3. Roger at 2:12 pm

    Pra quem nao conhece o cabuçudinho(rafael chaves) dispensa comentarios um mostro nos treinos tecno e por varios dias na florida vi ele fazer nosso superman(buxexa),siri patola(baiano) dar varias vez 3 tapinhas e foi apelidado com varios apelidos pai ,padrinho,machoo e 01 porque esse é P das galaxias parceirao, pena que tem seus defeitos…1 medo de negaoookkkk,TALARICO..e precisa acredita mais eu si…quando isso acontexer nascera ai o mais novo compeao mundial faixa preta de jiujitsu!!

    obs: só comigo nao arrumava nada nos treinosss 12 kg mais leve…rs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *