California Kid já fala no cinturão: “É de finalizadores que a categoria precisa”

Share it

Faber em ação no WEC 52. Foto: Josh Hedges.

Levou menos de um round para o ex-rei do peso pena confirmar seu domínio na nova categoria de peso. O California Kid apagou Takeya Mizugaki com um mata-leão no debute entre os  plumas.

A descida de peso não afetou o rendimento de Urijah Faber, que partiu para o ataque logo no inicio da luta, com socos e chutes bem respondidos pelo japonês. Na troca de pegadas no momento do clinch, Faber atacou uma guilhotina, Mizugaki defendeu, mas deu as costas. O faixa-roxa de Jiu-Jitsu travou com um triângulo na cintura e ajustou o mata-leão. O duro japonês resistiu até apagar a 1min e 36s do primeiro round.

“Os japoneses têm espírito de luta e esse o Mizugaki é conhecido por ser um cara que vai até o final. Então sabia que tinha que fazer algo drástico para vencê-lo”, falou Faber, logo após o golpe decisivo.

Agora, com um triunfo na categoria pluma e com o currículo impressionante em outras categorias, Faber está disposto a conquistar o cinturão da divisão, quando os lutadores passarem para o UFC em 2011. A cordialidade parece não existir entre o lutador e o atual campeão do peso pluma Dominick Cruz. 

“Queria finalizar. Sou um finalizador e acho que é disso que esta categoria precisa. Nós vamos para o UFC. Foi uma carreira impressionante no WEC, mas é a hora de intensificar os treinos, buscar o meu cinturão no UFC e viver o sonho. ”

A revanche Faber x Cruz – o primeiro encontro foi vencido pelo californiano em 2007 – parece ser uma disputa pelo título perfeita para o UFC. No entanto, antes Cruz tem que defender seu cinturão do WEC pela última vez contra Scott Jorgensen, na despedida do evento, em dezembro.

(Colaborou Junior Samurai)

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *