Antonio Carlos é o paraibano peso e absoluto

Share it

Finalização rumo à final. Foto: Carlos Ozório

Antonio Carlos Barbosa venceu peso e absoluto na Seletiva do World Pro, em Natal, neste sábado, algo que virou rotina para o lutador em 2010. Além disso, repetiu o feito de Rodolfo Vieira e Marcus Bochecha – este, inclusive, seu companheiro de equipe -, um faixa-marrom que surpreendeu diversos faixas-pretas para chegar a Abu Dhabi. No entanto, por pouco toda essa glória poderia não acontecer.

“Estou muito feliz. Há uma semana, não iria nem lutar, porque estou com o joelho machucado. Rompi meus ligamentos e não treinava direito desde o Mundial, mas meus amigos botaram a maior força. Meu professor, o Helder Bob Sponja, me incentivou bastante, todo o pessoal através do Facebook também e até o Marcus Bochecha, lá dos Estados Unidos”, diz.

“Este ano foi muito proveitoso, ganhei no Brasileiro e Mundial peso e absoluto com o Bochecha e agora aqui. Para mim tudo isso foi um salto muito grande. Ir para Abu Dhabi é um sonho dentro do que eu quero viver”, completa o atleta ao GRACIEMAG.com.

Antonio recebe a faixa-preta de surpresa. Foto: Carlos Ozório.

Apesar da dificuldade contra lutadores mais graduados, a confiança estava alta, e rendeu frutos. Além de todos os custos para competir no evento principal, veio a grana do absoluto.

“Meu professor sempre disse que eu tenho um nível muito bom e que estou perto da faixa-preta pelo que já conquistei. Realmente, dá um pouco de temor enfrentar um faixa-preta, mas foquei e visualizei essa vitória”, explica, sem saber que logo em seguida, no pódio, seria promovido à almejada graduação.

Antonio é mais um atleta formado longe do eixo Rio-São Paulo, estados considerados grandes formadores de campeões no Brasil. O paraibano se sente feliz por isso.

“João Pessoa deu uma alavancada no Jiu-Jitsu e o Bob Sponja tem importância nisso. Esse ano tivemos campeões sul-americanos, brasileiros e mundiais. O Rufino Gomes venceu no Brasileiro Sem Kimono e a Paraíba conta com faixas-pretas muito bons. O Jiu-Jitsu está crescendo bastante em João Pessoa e fico feliz por ajudar a alavancar o esporte no meu estado”, encerra a fera da CheckMat.

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. Thiago Stefanutti at 10:13 am

    O Juninho merece, conheci ele no mundial de 2008 ainda na azul, garoto sempre tranquilo dedicado e pe no chao, vai ser nome certo nos podios de faixa preta daqui pra frente, merece pelo otimo carater e pessoa que eh.
    Parabens, fico feliz pelo seu sucesso.
    Thiago Stefanutti

Deixe uma resposta para alessandro Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *