Cain comenta nocaute e projeta futuro: “Cigano é o melhor trocador do UFC”

Share it

Foto: Josh Hedges

Cain Velzsquez chegou à nona vitória invicto neste sábado, no UFC 121, e, de quebra, tomou o cinturão de pesados de Brock Lesnar. O nocaute, na Califórnia, veio ainda no primeiro assalto. Mas não foi moleza, pois teve um gigante pela frente, que partiu com tudo nos primeiros momentos.   

“Sabíamos que o plano de jogo dele era cair para dentro, e até me surpreendeu como ele veio para cima no início. Eu meio que congelei por um pequeno momento. Eu não estava tão relaxado quanto deveria, mas acho que, depois da queda que deu em mim, pensei: ‘OK, relaxe.’”, disse na conferência de imprensa.

“Eu sabia que o árbitro não ia parar a luta à toa. Não estava apenas indo com socos como um louco”, completou. 

Foto: Josh Hedges

Agora Cain já mira as atenções no provável futuro oponente, Junior dos Santos, o Cigano.

“Tenho que ser um lutador muito melhor, tenho que continuar evoluindo. Eu acho que o Junior dos Santos é o melhor lutador em pé da categoria de pesados, então ele é extremamente duro”, elogiou.

“Ele tem uma grande defesa de quedas, rapidamente se levanta quando é derrubado e é muito relaxado na parte de boxe. Então, definitivamente, tenho um trabalho duro para derrotá-lo”, encerrou o atual campeão.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *