A vitória de Rogério Pezão sobre Paulão: “Mostrei do que sou capaz”

Share it

Foto: Carlos Ozório

Os mais de 2500 fãs de MMA que foram ao ginásio Mauro Pinheiro, neste sábado, viram um combate histórico na luta principal da quinta edição do First Class Fight. Em um confronto muito movimentado, o invicto Marcos Rogério Pezão derrotou Paulo Filho por pontos, em decisão unânime dos juízes.

Com uma longa carreira no esporte, se destacando no extinto Pride e sendo ex-campeão do WEC, Paulão sofreu nesta noite apenas sua segunda derrota. A primeira havia sido para Chael Sonnen. Já Pezão agora soma nove lutas e nove vitórias em torneios de MMA.

Empurrado pela torcida, que vibrou muito desde sua entrada no octógono, Pezão partiu para cima e tomou a iniciativa assim que o gongo soou. Com bons cruzados entrando na guarda de Paulão, assim como seus chutes altos e joelhadas, ele foi minando a resistência do adversário.

Paulo Filho apostava no clinch para se defender e até
conseguiu uma boa queda no começo, mas foi um dos poucos momentos em que brilhou na luta. Pezão passou a se defender bem das tentativas de queda.

Marcos Rogério seguiu melhor nos dois rounds seguintes.
Mesmo quando ficou por baixo no chão e Paulão tentava colocar seu famoso ground and pound, Pezão dominava e conseguiu controlar bem o combate até o resultado dado pelos juízes.

“Mostrei nessa noite do que sou capaz. Venci um cara muito
famoso, um cara muito duro, e agora quero voar mais alto. Vou chegar no UFC”, afirmou Pezão, ainda no octógono.

Em outros combates da noite, Daniel Sarafian venceu Maurício Alonso por decisão; Fábio Negão finalizou Rodrigo Ximbica, Flávio Álvaro nocauteou Samuel Quito e o faixa-preta Murilo Santana finalizou Jorge Michelan.  

Confira todos os resultados:

FCF V
São Paulo, Brasil
Dia 23 de outubro de 2010

Marco Pezão venceu Paulo Filho por pontos, em decisão unânime
Daniel Sarafian venceu Maurício Alonso por pontos, em decisão
dividida
Fábio Negão venceu Rodrigo Ximbica por finalização, no
segundo round
Flávio Álvaro venceu Samuel Quito por nocaute, no primeiro
round
Murilo Santana venceu Jorge Michelan por finalização, no
segundo round
Marcio Costa venceu Matheus Serafim por desistência, no
primeiro round
Udi Lima venceu Paulo Snups por nocaute, no segundo round
Alexandre Popó venceu Luiz Rogério por finalização, no
primeiro round
Caio Jacaré venceu Rafael Bueno por pontos, em decisão
dividida

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *