Mestrão e Cacareco comentam estreia no UFC

Share it

Rudimar e Cacareco. Foto: Carlos Ozório

Não é de hoje que Alexandre Cacareco incomoda os adversários, seja nas competições de luta de chão, como o ADCC, ou no MMA. Entretanto, faltava ao lutador voltar a combater numa grande organização. Não falta mais: Cacareco assinou com o Ultimate Fighting e estreia no UFC 122, na Alemanha, no dia 13 de novembro. 

“Acho que ele vai se apresentar muito bem, porque estava esperando essa oportunidade há bastante tempo e agora ela apareceu definitivamente. Ele estreia na Alemanha, então falta pouco mais de um mês, e contra o Vladimir Matyushenko. É um grande adversário, mas tenho certeza que o Cacareco vai muito bem. Vou ajudá-lo ao máximo para isso”, comenta Rudimar Fedrigo, o mestrão da Chute Boxe, ao GRACIEMAG.com.  

Já Cacareco é só alegria pela chance no UFC: 

“Fiz até uma matéria para o “Sensei SporTV”, em que dizia que estava desmotivado por tanto tempo longe dos treinos e dos grandes eventos. O mestre Rudimar me dizia que as coisas estavam andando, mas não imaginava o que iria acontecer e nem acreditava na oportunidade no UFC. Quando ele me ligou ontem (terça-feira) e me disse que estava no Ultimate, fiquei feliz da vida. Estou onde todos os lutadores querem!”, comemora. 

“Fiquei apenas meio desesperado, porque falta apenas um mês e estava fora de foco. Mas tenho esse tempo para botar o corpo em dia”, completa. 

Cacareco usa bem a luta de chão. Foto: Carlos Ozório

Sobre o adversário, Vladimir Matyushenko, Cacareco prega o respeito. 

“A garra e determinação é indiscutível. Ele é um cara guerreiro, que não se esconde na luta e é muito duro. Já fez lutas no Ultimate e contra vários atletas de ponta. Estou chegando agora e fica complicado falar de quem está lá dentro.” 

Admiro muito na categoria o Shogun e o Lyoto” Cacareco

Numa categoria das mais disputadas (meio-pesado), cheia de astros, o lutador não esconde os seus favoritos. 

“Os dois lutadores na ponta, que admiro muito, são o Shogun e o Lyoto. Um é o campeão e o outro é o ex-campeão. Para mim são os melhores”, encerra Cacareco, que pede o apoio dos fãs: 

“Peço que a galera torça por mim no dia 13 de novembro e agradeço muito ao mestre Rudimar, que é a principal peça nessas coisas que estão acontecendo.”

Ler matéria completa Read more
There is 1 comment for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *